Estrela de Donald Trump vai ser retirada da Calçada da Fama, diz The Sun

Estrela de Donald Trump vai ser retirada da Calçada da Fama, diz The Sun

Donald Trump não tem mais estrela na Calçada da Fama (Imagens: Reprodução)

Publicado em Famosos 8/08/2018 às 12:31

De acordo com informações publicadas pelo The Sun, a estrela de Donald Trump não brilha mais ao lado das de nomes como Javier Bardem, Paul McCartney, Britney Spears e Antonio Banderas. O nome do presidente dos EUA vai deixar a Calçada da Fama por causa do seu “comportamento perturbador contra as mulheres”, como dizia na ação movida originalmente por John D’Amico e Lindsay Horvath, membros do conselho da cidade de West Hollywood.

LEIA TAMBÉM > Wagner Moura pede indenização na justiça ao MBL

A votação pela primeira remoção de um nome da calçada teria sido unânime. Estima-se que 16 mulheres tenham acusado Donald Trump de má conduta sexual. O anúncio foi feito por John Duran, membro do conselho.

“O conselho da Cidade de West Hollywood passou com unanimidade uma resolução pedindo que a Câmara do Comercio de Hollywood remora a estrela de Donald Trump da Calçada da Fama de Hollywood”, anunciou John Duran. Nas hashtags, ele escreveu: “Fazer da América a América novamente”.

Protestos contra a estrela de Donald Trump

A estrela de Donald Trump sofreu diversos protestos ultimamente. Em julho, um rapaz destruiu o objeto com golpes de picareta. O mesmo aconteceu em 2016, quando um homem disfarçado de trabalhador também quebrou a peça. Em 2016, um artista ergueu um muro ao redor da estrela, simbolizando o muro que o republicano pretendia construir na fronteira com o México.

Além disso, já em 2018, o comediante George Lopez polemizou ao fingir urinar em cima da estrela do presidente estadunidense. Além dele, outro que se posicionou contra Donald Trump foi Robert De Niro, que mandou um “Agora não é mais ‘abaixo Trump’, é foda-se Trump!” durante a 72.ª Tony Awards.

Popularidade de Trump

O governo Trump completou um ano no dia 19 de janeiro deste ano, mas não houveram tantos motivos para celebrar. Apesar de a economia ter melhorado, sua popularidade só cresceu nos mercados acionários. Segundo a pesquisa realizada pelo Wall Street Journal e pela NBC News, 57% dos estadunidenses desaprovam o governo Trump, enquanto 39% o aprova.

Compartilhe
Publicado por
Victor Augusto

Comentários
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com