Após sair da XCalypso, cantora pernambucana acusa Ximbinha: “Me insultou”

Após sair da XCalypso, cantora pernambucana acusa Ximbinha: “Me insultou”

Leya saiu da banda XCalypso /Foto: Reprodução

Publicado em Famosos 19/05/2017 às 5:21

Após sair da XCalypso, Leya Emanuelly fez um desabafo nas redes sociais. Na última quinta-feira (18), a cantora resolveu explicar o verdadeiro motivo pelo qual deixou a banda: “Sobre minha saída da banda XCalypso. Estava em dívida com vocês e por isso vim contar minha real versão dos fatos, vou tentar ser breve. Não posso sair com a imagem de uma pessoa irresponsável, pois não fui e isso não seria justo comigo e nem com quem acredita em mim e no meu trabalho. Saí porque não conseguia me manter no Pará, e já não conseguia ter um relacionamento profissional e pessoal saudável com meu ex-patrão”, afirmou.

A cantora pernambucana negou ter saído da banda para participar do concurso de miss e afirmou que, em Belém, não recebia ajuda de custo: “Eu não saí da banda para me dedicar ao concurso de miss, jamais iria abandonar meu trabalho e deixar as pessoas na mão de uma forma tão irresponsável. Vim para casa, Serra Talhada-Pe pois precisava de cuidados médicos e não tinha condições de me tratar lá em Belém-PA, pois não recebia ajuda de custo da banda. Estava precisando ganhar algum ‘extra’ paralelo a banda, e pensei: Já que estou em casa e vou participar desse concurso ‘talvez me abra portas para desfiles, fotos…’. Já que eu não poderia ganhar ‘extras’ fazendo shows como cantora em outros lugares”.

[instagram BUPlKeugEMa]

Leya Emanuelly também falou sobre sua relação com Ximbinha. Segundo a cantora, o músico a tratava com insultos: “Nunca aceitei nenhuma das propostas indecentes que surgiram durantes todos estes 12 anos de trabalho e jamais deixei que me ofendessem de qualquer maneira e não foi diferente com ele. Me vi longe de casa, da minha família e amigos, passando por muitas dificuldades principalmente financeiras, com poucas pessoas para confiar e contar, sendo muitas vezes julgada sem direito de defesa, me sentia mal, pois ‘vesti a camisa’ de uma pessoa que posteriormente sem o mínimo de respeito se julgou no direito de me insultar, gritar, e fazer julgamentos com palavras baixas, denegrindo a minha imagem e meu caráter. A gratidão acabou ali”, disse a loira, lamentando nunca ter recebido um pedido de desculpas.

[instagram BUPlQGbAEbV]

Compartilhe
Publicado por
Anneliese Pires

Comentários
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com