Escola Pernambucana de Circo realiza campanha para reforma de telhado

Escola Pernambucana de Circo realiza campanha para reforma de telhado
Publicado em Artes 11/09/2016 às 4:30

Espaço de educação e cultura, a Escola Pernambucana de Circo (EPC) anda precisando de ajuda. O espaço, que é mantido por meio de doações e dos espetáculos que realiza, participa da campanha de crowdfunding Vamos Cobrir o Picadeiro de Alegria! A EPC vem enfrentando sérios problemas na estrutura de seu telhado de alumínio e em outros espaços da sede. Há goteiras, infiltrações, portas quebradas, gesso caindo, fechaduras e descargas dos banheiros quebradas, dentre outros problemas que dificultam o atendimento, gratuito, dos cerca de 100 alunos.

Segundo a coordenadora do espaço, Fátima Pontes, a água invade galpão, salas de reunião, escritório, camarins, estragando materiais, figurinos, equipamentos como computadores e impressoras, por exemplo. “O problema dificulta, ainda, que a Escola mobilize recursos para nossa sustentabilidade, obtidos com o aluguel do espaço para festas diversas, eventos corporativos, oficinas pedagógicas, dentre outros”, explica.

Além desta meta inicial e urgente, as doações também poderão ser utilizadas para promover Manutenção de materiais de segurança; Manutenção de novas salas na parte superior do prédio e Finalização de três salas na parte superior da escola. Para contribuir, basta acessar o endereço http://juntos.com.vc/pt/epcrecife.

Sobre a EPC – A Escola Pernambucana de Circo (EPC) surgiu no ano de 1996 com a missão de promover a inclusão de crianças, adolescentes e jovens das classes populares por meio das artes, especificamente o circo, fortalecendo a identidade cultural, o vínculo social e os valores da cidadania. A Escola existe há 20 anos e possui um trabalho consolidado de atendimento a mais de 100 crianças, adolescentes e

Compartilhe
Publicado por
Anneliese Pires

Comentários
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com