Morre no Rio o artista plástico pernambucano Tunga

Morre no Rio o artista plástico pernambucano Tunga
Publicado em Notas 6/06/2016 às 8:18

O pernambucano Antônio José de Barros Carvalho e Mello Mourão, o artista plástico Tunga, faleceu nesta segunda (6), aos 64 anos, devido a um câncer. Ele estava internado no Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, cidade onde estava radicado desde os anos 1970. Tunga é e será lembrado como um dos principais nomes das artes visuais no Brasil. Foi o primeiro, entre os artistas contemporâneos do País, a ter obra exposta no Museu do Louvre, em Paris. Também teve seu trabalho posto em evidência na Bienal de Veneza. Em Inhotim, Brumadinho, Minas Gerais, há duas galerias dedicadas a ele – True rouge e Psicoativa Tunga; essa última é a maior de todo o instituto.

Compartilhe
Publicado por
Romero Rafael

Comentários
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com