publicidade
16/10/20
Descoberta aconteceu durante uma caminhada - Nature Conservancy of Canada/Divulgação
Descoberta aconteceu durante uma caminhada - Nature Conservancy of Canada/Divulgação

Com apenas 12 anos, menino descobre esqueleto raro de hadrossauro no Canadá

16 / out
Publicado por Juliana Melo em Arqueologia às 14:53

Com informações do G1 e BBC

Já imaginou ser responsável por uma descoberta arqueológica com apenas 12 anos? Pois é, aconteceu no Canadá! Nathan Hrushkin passeava por uma área preservada junto com o pai quando encontrou fósseis de um hadrossauro de 69 milhões de anos! O esqueleto estava em um parque localizado na província de Alberta, no Canadá. Nathan encontrou os ossos próximos a uma pedra em julho. Somente nesta quinta-feira (15) a escavação completa foi finalizada.

O garoto começou a se interessar por dinossauros quando tinha seis anos de idade. O pai costuma ser a companhia de Nathan durante as caminhadas na unidade de conservação de Alberta Badlands. O menino já sabia que fósseis são protegidos por lei, então depois de encontrar o esqueleto, voltou pra casa e procurou o Museu Real Tyrrell, em Alberta, que realiza o estudo de itens pré-históricos. Nathan precisou enviar fotos e coordenadas do achado para a instituição.

O parque de Badlands é conhecido por abriga diversos fósseis. No final do século 19, um dinossauro batizado albertossauro, foi descoberto ali pelo explorador canadense Joseph Tyrell. Até agora, a equipe do museu responsável por explorar a descoberta de Nathan encontrou entre 30 e 50 ossos na parede de um cânion, eles pertencem a um jovem hadrossauro, com idade estimada de três ou quatro anos.


FECHAR