publicidade
26/05/20
Foto: Pixabay
Foto: Pixabay

‘Cidades Conectadas’: evento online debate as lições digitais tiradas da pandemia para a inovação urbana

26 / maio
Publicado por Manuela Figueredo em Aplicativos às 10:45

Um novo vírus – como o coronavírus – provoca a busca por novas soluções científicas que, por sua vez, gera inovações, que tem muito a ver com o campo digital. Campo esse que tem ampliado cada vez mais o horizontes da sociedade, principalmente com a implementação de políticas tecnológicas que geram cidades melhores e mais inteligentes. Levando esse contexto em consideração, a série online ‘Cidades Conectadas‘, criado pela plataforma Connected Smart Cities, busca trazer esse debate a tona, nesta quarta-feira, (27), a partir das 10h. As inscrições, que são gratuitas, podem ser feitas por este link.

Completando 50 anos, San Diego Comic-Con acontecerá em evento virtual

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação da Prefeitura do Recife, Guila Calheiros, é um dos convidados. Além dele, participam da conversa o presidente da Câmara de Comércio Brasil Canadá (CCBC), Paulo Perrotti; a líder de Technology, Media & Telecommunications da Deloitte, Marcia Ogawa; o vereador de São Paulo Daniel Annenberg; e a CEO da Necta e idealizadora do Connected Smart Cities, Paula Faria.

Como a vigilância digital em massa está sendo cada vez mais usada em todo o mundo para controlar a covid-19? Quais os pesos e contrapesos nos benefícios da utilização da tecnologia: estamos preparados para o monitoramento pós pandemia? Quais as implicações da LGPD – Lei geral de proteção de dados no monitoramento de dados? Essas são algumas das perguntas que darão o mote da discussão do primeiro debate intitulado “A Importância do Empoderamento e a Construção da Inteligência Coletiva: lições digitais que estamos aprendendo com a Covid-19 para construirmos cidades inteligentes”.

Festival REC’n’Play garante quarta edição do evento em 2020

“Vamos debater amplamente sobre a covid-19, utilização de tecnologias e revolução digital, destacando pontos importantes relacionados à vigilância digital no controle da pandemia, monitoramento pós-pandemia, além das implicações da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) no atual cenário”, explica a CEO Paula Faria. Ainda, ela cita o projeto pioneiro da Prefeitura do Recife, em parceria com a startup recifense Inloco, que monitora o índice de isolamento social na cidade. ” Traremos exemplos, como o da cidade do Recife, que vem utilizando o monitoramento em grupo, iniciativa fundamental na determinação dos índices de isolamento social da população no período da pandemia”.


FECHAR