publicidade
12/02/20
Drew Blackard, chefe de gerenciamento de smartphones dos EUA, fala no palco do Galaxy da Samsung. Foto: AFP
Drew Blackard, chefe de gerenciamento de smartphones dos EUA, fala no palco do Galaxy da Samsung. Foto: AFP

Samsung anuncia a linha Galaxy S20 e um novo smartphone dobrável

12 / fev
Publicado por Manuela Figueredo em Aplicativos às 10:06

A Samsung lançou, nesta quarta-feira (11), no evento Unpacked 2020, em San Francisco, nos EUA, a sua nova linha de celulares: o Galaxy S20, o Galaxy S20 Plus e o Galaxy S20 Ultra, atendendo múltiplas faixas de preço. Ainda, no mesmo evento, lançou o seu segundo smartphone dobrável: o Galaxy Z Flip.

Linha S20

A linha inova no nome ao não seguir o número após o S10. Em 2019 foi apresentado o Galaxy S10. Pela lógica, agora seria a vez do Galaxy S11, mas os sul-coreanos optaram por mudar. Os 3 smartphones rodam sistema Android 10 com a versão mais recente da interface One UI, desenvolvida pela Samsung. Eles trazem em comum o painel em AMOLED Dinâmico geração 2X, com cores mais fiéis e contraste mais elevado, sucedendo o Super AMOLED.

Os telefones seguem a tendência de bordas mínimas no entorno da tela, para imersão total do conteúdo do telefone, sejam fotos ou vídeos, sejam os aplicativos e documentos pessoais. O display conta ainda com biometria por impressão digital e tecnologia ultrassônica.

Os dois mais simples são o Galaxy S20 e S20 Plus, que possuem muito em comum. Ambos utilizam um chipset Snapdragon 865, 12 GB de memória RAM, com 128 GB de armazenamento interno e capacidade para expansão por cartão microSD. Em relação à câmera, também se parecem: o sensor principal tem 12 megapixels, uma lente teleobjetiva, com sensor de 64 MP e uma lente ultra-wide com sensor de 12 MP. A diferença é que o modelo Plus conta com um sensor ToF para reconhecimento de profundidade.

O destaque da empresa é para o Galaxy S20 Ultra. O celular conta com o mesmo processador de seus irmãos menores, mas conta com uma opção de 16 GB de memória RAM, tornando-se o primeiro smartphone no mercado a oferecer essa capacidade. O Ultra conta com tela de 6,9 polegadas com a mesma resolução de 3200×1440, mas conta com uma configuração de câmera única. Se o sensor ultra-wide é o mesmo, com 12 megapixels e abertura f/2.2, o resto é diferente. A lente grande angular conta com uma abertura f/1.8 equipada com sensor de nada menos do que 108 megapixels.

O sistema de zoom do Ultra pode chegar a até 100 vezes, segundo a Samsung, mas é necessário testar para entender o quão pesada será a perda de qualidade em um zoom tão alto. A empresa incluiu um sistema de câmera periscópio, que dá mais espaço entre as lentes, proporcionando um zoom mais próximo. Na prática, em vez de colocar uma lente em cima da outra, como faz uma câmera normal, a Samsung coloca as lentes lado a lado, de forma perpendicular ao corpo do smartphone, com um prisma que redireciona a luz para o sensor.

 Dá só uma olhada no alcance do zoom:

Os preços de entrada podem variar entre R$ 4.320 e R$ 6.050. Ainda não se sabe quais chegarão efetivamente ao Brasil.

Galaxy Z Flip
Agora vamos para o segundo lançamento. Enquanto o primeiro dispositivo da série Z, o Galaxy Z Flip apresenta um novo portfólio de dispositivos para criar experiências dobráveis nos próximos anos. O Z Flip traz um Infinity Flex Display com o Ultra Thin Glass (UTG, vidro ultrafino) dobrável, uma tecnologia proprietária da Samsung.

A dobradiça foi incorporada à interface do aparelho na forma de um recurso chamado “Flex Mode”. Quando está parcialmente dobrado, o Z Flex permite tratar as metades da tela como telas independentes. É possível ver uma imagem na metade superior e navegar pela galeria na inferior, assistir um vídeo no YouTube na metade superior enquanto escreve um comentário na inferior ou, ao fazer selfies, ver sua imagem na metade superior e controles na inferior. O sistema da dobradiça oculta também integra a nova tecnologia da Samsung, que utiliza fibras de nylon feitas por tecnologia de corte por microaltura para repelir sujeira e poeira.

O aparelho também dispõe tela externa de 1,1″ chamada “Cover Display” permite ao usuário ver notificações, informações sobre chamadas, a hora ou até mesmo enquadrar uma selfie sem que o aparelho precise ser aberto. O Samsung Galaxy Z Flip tem em um processador Qualcomm Snapdragon 855+, acompanhado por 8 GB de RAM e 256 GB de memória interna. Há duas câmeras traseiras de 12 MP (wide e ultrawide) e uma frontal de 10 MP. A bateria tem capacidade de 3.300 mAh e suporta carregamento rápido com fios a 15 Watts, ou sem fios a 9 watts.

O início das vendas do aparelho no Brasil será em 11 de março, com preço sugerido de R$ 8.999,00, nas versões ultravioleta e preto.

E aí, trocariam?


FECHAR