publicidade
10/09/19

A espera acabou! Apple lança iPhone 11 e outras novidades

10 / set
Publicado por Larissa Lira em Hardware às 17:10

Os amantes da Apple já podem comemorar, pois a espera acabou. Nesta terça-feira (10) aconteceram os lançamentos da marca e várias novidades foram reveladas. Teve o lançamento do iPhone 11, o mais novo smartphone da empresa, do Apple Watch Series 5, o novo iPad e entre outros. Confiram!

A estrela do dia: iPhone 11

Os rumores estavam certos. O iPhone 11 chegou com o câmera dupla e design parecido com o que foi especulado. O novo modelo tem seis cores: vermelho, preto, verde, amarelo, branco e roxo e serão de 64, 128 e 256 GB.

Com acabamento de alumínio e vidro, o iPhone 11 vem com 6.1 polegadas e áudio espacial com dolby atmos, dando a sensação de que o som está saindo de todos os lados do aparelho. Porém, o show vem com as câmeras: a ‘Wide’ e a ‘Ultra wide’, com angulação de até 120º. Outras características que chamam atenção para os amantes de fotografia são o processamento de imagens, a ampliação dos detalhes, o HDR inteligente e a retirada do efeito do sol atrás da foto. Além do Night modo (modo noturno) que permite fotos com baixíssima exposição de luz e as ‘Slofies’ que são as selfies em slow motion. Os vídeos serão em resolução 4K, com 60 frames por segundo e terão as opções slow motion, time-lapse e quick take, onde você decide se tira foto ou faz vídeo sem precisar mudar o modo.

 

Já para os que estão interessados no processador da nova criação da Apple, o iPhone 11 vem com o A13 Bionic, chip móbile feito pela empresa com a CPU e a GPU mais rápida em um smartphone. A bateria também ganhou um upgrade, com uma hora a mais que o iPhone Xr. O smartphone também é a prova d’água, tem o face ID mais rápido e Wi-Fi 6, ficando de fora do 5G.
O preço do iPhone 11 fica por US$ 699.

iPhone 11 Pro e 11 Pro Max

Os novos modelos top de linha da família chegaram não com duas, mas três câmeras traseiras para deixar todo mundo de queixo caído. Os dois trazem a tela Retina XDR, com 458 pixels por polegada, aço inoxidável cirúrgico e acabamento fosco e disponível em 6.5 e 5.8 polegadas. O processador também é o A13 Bionic com CPU e GPU mais rápida em smartphones que realiza 1 trilhão de operações por segundo.

As câmeras são a cereja do bolo. São três lentes de 12 MP: uma wide, outra ultrawide e uma terceira telefoto. Todos os sensores trabalham juntos para um fotografia profissional que inclui zoom óptico de 4x. Em termos de bateria, mais uma evolução: a do 11 Pro dura quatro horas mais que a do Xs, já os donos da versão 11 Pro Max terão cinco horas a mais. Ambos acompanham o carregador rápido.


O iPhone 11 Pro custa US$ 999 na versão mais básica. Já o iPhone 11 Pro Max sai por US$ 1.099. Ambos terão versões de 64,256 e 512 GB. A pré-venda começa na sexta-feira (13), com o lançamento acontecendo no dia 20 de setembro.

Outras novidades

Além dos modelos mais esperados, a empresa também lançou o Apple Arcade, a Apple TV+, o Novo iPad e o Apple Watch series 5.

A Apple árcade é o serviço de assinatura para jogos exclusivos e terá lançamento em 19 de setembro para 150 países, por US$4.99. Já a Apple TV+ é o serviço de streaming com programas originais e terá lançamento no dia 1 de novembro, pelo valor de US$ 4.99 no plano familiar.


O novo Apple iPad terá 10.2 polegadas de tela de retina e processador A10 Fusion. O novo aparelho terá um ângulo melhor de visão e performance 2x mais rápida que o iPad comum. Com alumínio 100% reciclado, o aparelho saíra por US$ 329.


Por último, mas não menos importante temos o Apple Watch series 5, o mais novo smartwatch da empresa. A novidade desse modelo é o display que não se desliga, permitindo que o usuário não precise realizar algum movimento para ter acesso as informações. Além disso, ele conta com circuito de economizador de bateria, 18 horas ligado por dia, bussola e detectar quedas, podendo se conectar a serviços de emergência com apenas um toque em sua tela.

O preço do novo Apple Watch começa em 399 dólares (aproximadamente R$ 1.633 sem a adição de impostos), até modelo com conexão celular, que custará US$ 499 (aproximadamente R$ 2.042), começando a ser vendidos no dia 20 de setembro. A Apple ainda deve manter modelos até da Series 3 à venda, baixando o seu preço para US$ 199 (aproximadamente R$ 814).


FECHAR