publicidade
17/07/14

Encontrada falha no Google Chrome que consome bateria de laptops com Windows

17 / jul
Publicado por em Destaque às 10:15

(Foto: Reprodução)
O problema foi divulgado pela revista norte-americana Forbes. Já se tinha relatos dele desde 2012. (Foto: Reprodução)

Identificado em laptops que utilizam o Windows, um bug no navegador Google Chrome consome mais bateria dos dispositivos portáteis. Esta foi a conclusão do artigo do site da revista norte-americana “Forbes”, que relatou uma falha na maneira como o browser lida com o processador. O problema foi confirmado pelo Google à reportagem da revista, mas ainda não foi apresentada a solução.

Independentemente do sistema operacional, as tarefas acontecem em um determinado intervalo de tempo, mas para economizar energia, o processador fica em stand by quando não está sendo utilizado e volta à ativa depois de um tempo. Porém, de acordo com a “Forbes”, este processo não acontece com o navegador Chrome no Windows, que já inicia com uma atividade mais alta do que o normal.

Sendo assim, o processador é ativado mais vezes do que o necessário, afetando diretamente no gasto da bateria e até na rapidez do sistema. Um levantamento feito pelo Windows, divulgado na reportagem da revista norte-americana, aponta que o problema pode aumentar o consumo de energia da bateria em 25%.

O problema, no entanto, não é novo. Há registros no Chromium Bug Tracker, comunidade de desenvolvedores do navegador, datados de 2012. Se comparado com outros navegadores, como o Internet Explorer e o Mozilla Firefox, o Chrome foi o único a apresentar o bug. [Via UOL]


FECHAR