publicidade
17/04/12
banda-larga
banda-larga

Governo poderá financiar banda larga rural

17 / abr
Publicado por Letícia Saturnino em INTERNET às 14:49

O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, afirmou nesta terça-feira (16) que o governo estuda liberar os financiamentos agrícolas para a compra de equipamentos de banda larga rural, quando as redes de 450 megahertz (MHz) começarem a funcionar. Segundo ele, até mesmo as linhas do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) poderiam ser acessadas pelos pequenos agricultores para a compra de computadores e modems. As informações são da Agência Estado.

“O Banco do Brasil e o Ministério da Agricultura estão estudando essa liberação”, confirmou o ministro após participação em seminário do setor de telecomunicações. De acordo com Bernardo, essa parceria seria importante para tornar mais atrativa a faixa que será destinada à banda larga móvel rural.

O edital para a licitação do 450 MHz foi aprovado na última quinta-feira pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e o leilão deve ocorrer no começo de junho, junto com a frequência de 2,5 gigahertz (GHz) da telefonia 4G. Também na última quinta-feira, executivos da NetOne – que opera o serviço na Suécia – estiveram no gabinete de Bernardo e mostraram interesse em competir pela faixa.

“No caso da NetOne, o interesse seria apenas no 450 MHz. Já a Oi buscaria na faixa uma complementação para outras frequências”, comentou o ministro. Segundo ele, apesar de inicialmente ter havido rejeição por parte das companhias em relação à internet móvel rural – o que levou a Anatel a criar uma cláusula no leilão com a possibilidade de atrelamento à venda do 4G -, deve haver disputa pela faixa de 450 MHz.

“É fundamental que o serviço funcione. Hoje uma das demandas do produtor rural é estar conectado com o mundo para saber a previsão do tempo, a cotação do seu produto e ter assistência técnica, por exemplo”, completou Bernardo. [Agência Estado]


FECHAR