publicidade
09/06/21
Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil
Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Aliado revela se Bolsonaro vem ou não ao Recife para passeio de moto em junho

09 / jun
Publicado por José Matheus Santos em Notícias às 11:39

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) não vem ao Recife para passeio de moto no dia 20 de junho, como tem sido especulado nas redes sociais por grupos de apoiadores.

É o que garante Coronel Meira, aliado do presidente em Pernambuco.

“Isso é fake news. Bolsonaro não vai dia 20. Isso é um grupo que inventou essa história aí para poder cadastrar, fazer levantamento de ‘bolsonarianos’, o pessoal que está querendo ser candidato, já falei, para pedir para tirar (de circulação), tirou”, disse Coronel Meira ao Blog na manhã desta quarta-feira (09).

“Mas realmente houve uma maldade muito grande aí, inventaram essa história, Bolsonaro não vai dia 20, vamos gravar um vídeo eu e Gilson Machado (Neto) para divulgar”, acrescentou Meira, em alusão ao ministro do Turismo.

Meira não confirmou quando o vídeo da negativa da vinda do presidente para o suposto passeio de moto será divulgado.

“Quem quiser fazer faça de apoio, a gente não é contra, agora a pessoa chegar e mentir e dizer que Bolsonaro está indo para iludir o povo, isso que é errado”, afirmou Coronel Meira.

No dia 23 de maio, Bolsonaro gerou aglomeração no Rio de Janeiro durante um passeio de moto pela capital fluminense.

Na ocasião, o general Eduardo Pazuello, ex-ministro da Saúde, esteve ao lado de Bolsonaro em um carro de som.

Apesar da norma do Exército não permitir que generais da ativa participem de manifestações políticas, Eduardo Pazuello não foi punido pela instituição.

O Exército ainda decretou sigilo de 100 anos no processo administrativo sobre a participação de Pazuello no ato.

No Rio de Janeiro, a prefeitura da cidade estimou que participariam do evento de 10 mil a 15 mil pessoas em meio à pandemia de covid-19.

No caso do Recife, uma eventual vinda de Bolsonaro, que foi negada pelo aliado Coronel Meira, poderia gerar conflitos com medidas restritivas que proíbem aglomerações em Pernambuco por causa da covid.

Inclusive, até esta quinta-feira (10), o Governo de Pernambuco vai anunciar quais medidas restritivas estarão em vigor a partir da próxima segunda-feira (14). O atual decreto de restrições vale até o próximo domingo (13).


FECHAR