publicidade
29/04/21
Metrô do Recife (Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem)
Metrô do Recife (Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem)

Como nova ponte ferroviária sobre Rio Pirapama, no Cabo, pode reduzir intervalo de trens do Metrô do Recife

29 / abr
Publicado por jamildo em Notícias às 16:50

Para ampliar o atendimento à população da Região Metropolitana de Recife, o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) e a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) inauguraram mais uma etapa da duplicação da Linha Sul do sistema do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) do Metrô de Recife.

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, participou da entrega da ponte ferroviária sobre o Rio Pirapama, em Cabo de Santo Agostinho (PE), nesta quinta-feira (29).

A obra recebeu investimento federal de R$ 13,5 milhões.

O ministro do Turismo, Gilson Machado, também este presente.

O diretor-presidente da CBTU, José Marques, disse que a inauguração é um marco para o sistema da companhia no Recife.
“Com o empenho do ministro neste projeto, estamos iniciando a conclusão da duplicação e modernização desta linha, que tem uma importância histórica. O intervalo entre os trens irá reduzir pela metade e, com isso, ampliaremos de forma exponencial a capacidade de passageiros transportados”, afirmou.

A ponte já está concluída e em operação.

Com 100 metros de extensão, está localizada entre as estações Ponte dos Carvalhos e Santo Inácio, na região metropolitana da capital pernambucana.

Diariamente, as estações próximas ao local atendem 2,5 mil passageiros.

Outra ponte sobre o Rio Pirapama está prevista para ser entregue até o fim deste ano.

Juntas, as duas estruturas receberam R$ 24,9 milhões em investimentos federais.

As obras integram a duplicação do Ramal do VLT na linha Cajueiro Seco – Cabo de Santo Agostinho, que pretende reduzir de 51 para 23 minutos o intervalo entre cada trem quando totalmente finalizada.

A duplicação também possibilitará o aumento da oferta de lugares para 21 mil passageiros por dia.

O Sistema de Trens Urbanos do Recife é operado em três linhas férreas, sendo duas eletrificadas e uma operada por composições diesel. A extensão total da malha é de 71 quilômetros.

Quatro municípios são atendidos: Recife, Jaboatão dos Guararapes, Camaragibe e Cabo de Santo Agostinho. O sistema é composto por 36 estações e transporta cerca de 360 mil passageiros por dia em todas as linhas.

“Nosso objetivo é atender as pessoas com maior qualidade, mais conforto e reduzir o tempo da locomoção daqueles que trabalham em outros pontos da Região Metropolitana até chegarem às suas casas. O governo do presidente Jair Bolsonaro tem compromisso com aqueles que mais precisam da ação do Estado por meio de ações de mobilidade urbana”, destacou o ministro Rogério Marinho, no evento.

 


FECHAR