publicidade
22/04/21
Foto: Filipe Jordão/JC Imagem
Foto: Filipe Jordão/JC Imagem

Vacinação contra a covid-19 em pessoas com comorbidades deve ser feita em ordem decrescente de idade, orienta Ministério da Saúde

22 / abr
Publicado por José Matheus Santos em Notícias às 9:40

O Ministério da Saúde divulgou nesta quarta-feira (21) orientação para os estados em relação à imunização contra a covid-19 de pessoas com comorbidades, parte a ser vacinada após as pessoas com 60 anos ou mais.

O ministério sugere imunizar por grupos de idade, reunindo pessoas entre 55 e 59 primeiro, depois de 50 a 54 anos e assim por diante.

Segundo os cálculos da pasta, 17,7 milhões abaixo dos 60 anos têm comorbidades como diabetes, pneumopatias, asma, hipertensão, doenças cardiovasculares, anemia falciforme, obesidade, entre outras doenças.

LEIA TAMBÉM:
> Expectativa por decisão do Governo de Pernambuco sobre funcionamento de comércio e demais atividades econômicas

Integrantes do próximo grupo de prioridades que não estejam pré-cadastrados no Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações ou em alguma unidade de saúde do SUS devem apresentar, no momento da vacinação, um comprovante que demonstre pertencer a um destes grupos de risco, como exames, receitas, relatório médico ou prescrição médica.

De acordo com o plano nacional de imunização, após o grupo de pessoas com comorbidades, devem ser vacinadas pessoas com deficiência permanente, pessoas em situação de rua, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional, professores da educação básica, trabalhadores da educação de ensino superior, forças de segurança (que pulou para o início da fila após acordo entre STF e Ministério da Saúde), forças armadas, trabalhadores do transporte coletivo, aéreo e aquaviário, caminhoneiros, trabalhadores portuários e industriais. Todas as pessoas que fazem parte desses grupos, incluindo idosos acima de 60 anos e profissionais da saúde, somam 77,2 milhões.

LEIA TAMBÉM: Polícia faz buscas e mira empresa do Recife suspeita de praticar golpes em oferta de vacinas a 20 prefeituras do Brasil

Lista de comorbidades

Diabetes
Pneumopatias crônicas graves
Hipertensão Arterial Resistente (HAR)
Hipertensão arterial estágio 3
Hipertensão arterial estágios 1 e 2 com lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade
Doenças cardiovasculares
Doença cerebrovascular
Doença renal crônica
Imunossuprimidos (HIV, pessoas em tratamento de câncer, transplantados de medula, entre outros)
Anemia falciforme
Obesidade mórbida (IMC acima ou igual a 40)
Síndrome de down
Cirrose hepática


FECHAR