publicidade
15/04/21
Foto: José Cruz/Agência Brasil
Foto: José Cruz/Agência Brasil

Advogado questiona decisão do presidente do Senado para que CPI da Covid seja presencial

15 / abr
Publicado por jamildo em Notícias às 12:00

Instaurada essa semana, a CPI da Covid tem como objetivo investigar não só as ações e omissões do governo federal e o colapso na saúde no Amazonas, mas as possíveis irregularidades, fraudes e superfaturamentos em contratos e serviços feitos com recursos originados da União e enviados a estados e municípios.

Mesmo com a necessidade de isolamento social imposta pela pandemia, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, anunciou que defende que a CPI da Covid trabalhe de forma presencial.

Pois bem.

Alexandre Aroeira Salles, doutor em Direito e sócio fundador da Aroeira Salles Advogados questionou a medida.

“Essa insistência em funcionar presencialmente é estranha para um momento como este. Não apenas o judiciário inteiro brasileiro, como os principais órgãos de arbitragens do mundo, como por exemplo a ICC – International Chamber Of Commerce Arbitration adotaram o procedimento de forma virtual.”

 


FECHAR