publicidade
12/04/21
Foto: Leo Motta/JC Imagem
Foto: Leo Motta/JC Imagem

Governo de Pernambuco lança novo plano emergencial de contingência nos leitos para covid-19

12 / abr
Publicado por José Matheus Santos em Notícias às 10:40

A Secretaria de Saúde de Pernambuco e o Conselho de Secretários Municipais de Saúde do estado, representando os prefeitos, lançaram um novo “Plano de Contingência para infecção pelo Coronavírus (COVID-19) com Leitos de Enfermaria, Leitos de Terapia Intensiva e Leitos com Suporte Ventilatório Pulmonar atualizando os anexos, da Gestão Estadual (Anexo I) e Gestão Municipal (Anexo II), do Estado de Pernambuco”.

O ato foi formalizado em 9 de abril, pela Resolução CIB/PE 5429.

LEIA TAMBÉM:
> Olinda abre seleção com quase 200 vagas temporárias e salários de até R$ 2.500; saiba como participar
> Prefeitura do Recife abre mais 1 mil vagas para inscrições no Crédito Popular de até R$ 3 mil
> Instituto lança programa online para formação de professores
> Parte da população de Aldeia ‘exige’ novo traçado para Arco Metropolitano

A motivação do novo Plano, segundo o texto oficial, foi a alta “taxa de mortalidade entre idosos, pessoas com doenças crônicas e imunodeprimidas, como também a sazonalidade da Influenza” que se aproxima.

plano de contingencia leitos
Foto: Reprodução/Diário Oficial do Estado

“Pela situação de Pandemia pelo COVID 2019, que vem apresentando elevada taxa de mortalidade entre idosos, pessoas com doenças crônicas e imunodeprimidas, como também a sazonalidade da Influenza que se aproxima, se faz necessário adotar medidas em caráter de emergência pública para estruturação da rede”, diz a motivação do ato.

> Policial que trocou agressões com deputado Joel da Harpa é promovido na Polícia Militar de Pernambuco

Pelo novo ato, ficou revogado o Plano anterior, aprovado por recente resolução de 2 de abril de 2021.

Segundo o texto oficial, o quantitativo de Leitos de Enfermaria e Leitos de Terapia Intensiva para enfrentamento do covid-19, sob gestão municipal e estadual, será “atualizado a cada 72 horas conforme pactuações em todas as Regiões de Saúde”.

LEIA TAMBÉM:
> Governo de Pernambuco revoga em definitivo licitação para hospital de campanha nos Coelhos, no Recife
> CPI da Covid-19 na Assembleia Legislativa ainda não está no radar da oposição a Paulo Câmara


FECHAR