publicidade
02/03/21
Foto: Yacy Ribeiro/ JC Imagem
Foto: Yacy Ribeiro/ JC Imagem

Paulo Câmara determina nova data de retorno das aulas presenciais dos ensinos infantil e fundamental na rede pública

02 / mar
Publicado por José Matheus Santos em Notícias às 7:56

O governador Paulo Câmara (PSB) fixou nova data para a retomada das aulas presenciais dos ensinos fundamental e infantil da rede pública nas redes estadual e municipais em Pernambuco. A previsão de retorno é no dia 18 de março.

A liberação consta no decreto editado pelo governador nesta segunda-feira (1º).

LEIA TAMBÉM:
> Números da covid-19 pioram, e Governo de Pernambuco amplia horário de restrição em dias úteis. Finais de semana terão apenas serviços essenciais
> Covid-19: Parques, praias e clubes serão fechados em Pernambuco nos finais de semana
> Igrejas poderão funcionar apenas de segunda a sexta, até as 20h, em Pernambuco

“A partir de 18 de março de 2021, fica permitida a retomada das atividades pedagógicas, de forma presencial, do Ensino Fundamental e da Educação Infantil das instituições de ensino públicas, situadas no Estado de Pernambuco, observados os protocolos sanitários, os cronogramas de retorno às atividades, bem como as demais determinações
contidas em Portaria da Secretaria de Educação e Esportes”, diz trecho do decreto.

A volta estava prevista para 1º de março, mas foi suspensa na semana passada por causa da alta nos indicadores da covid-19 no estado. Dessa forma, a nova data de retorno presencial é 18 de março.

Imagem

LEIA TAMBÉM:
> Paulo Câmara determina nova data de retorno das aulas presenciais dos ensinos infantil e fundamental na rede pública
> Com alta da covid-19, sindicato dos educadores pede suspensão das aulas presenciais nas escolas de ensino médio da rede estadual em Pernambuco
> Bancada evangélica da Alepe pede para Paulo Câmara tornar igrejas serviços essenciais e permitir cultos por mais uma hora

Governo de Pernambuco amplia horário de restrição em dias úteis. Finais de semana terão apenas serviços essenciais e praias, parques e clubes sociais fechados

O Governo de Pernambuco anunciou, nesta segunda-feira (1º), o fechamento das atividades não essenciais das 20h às 5h, de segunda a sexta, em todo o estado. Nos finais de semana, apenas serviços essenciais poderão funcionar, e parques, clubes e praias serão fechadas aos sábados e domingos.

O Blog antecipou em primeira mão as informações. As medidas são válidas até 17 de março e entram em vigor nesta quarta-feira (3).

> Novo auxílio emergencial deve ser de R$ 250, diz presidente da Câmara. Saiba até quando

De segunda a sexta, entre 20h e 5h, apenas serviços essenciais poderão funcionar, como hospitais, padarias, supermercados, farmácias, depósitos de água e gás, postos de gasolina, serviços de telefonia e de segurança, por exemplo.

LEIA TAMBÉM:
> Amazon e AWS abrem vagas de estágio com salário de R$ 2.300. Há vagas no Recife
> Resolução prevê auxílio-saúde de R$ 2 mil para promotores do MPPE
> Após iniciar negociação para compra direta de vacinas, Paulo Câmara reforma orçamento da Saúde com R$ 70 milhões para ‘aquisição de medicamentos’
> Novo auxílio emergencial deve ser de R$ 250, diz presidente da Câmara. Saiba até quando
> Governadores rebatem Bolsonaro e pedem divisão de tributos com estados para combate à covid-19

Nos finais de semana, somente atividades essenciais poderão funcionar. Parques e clubes serão fechados no fim de semana. Aos sábados e domingos, a população só poderá acessar a praia para pratica de esportes individuais.

> Presidente do Hospital Albert Einstein: ‘Tenho muito medo do que vai acontecer nas próximas duas semanas’

As igrejas poderão funcionar de segunda a sexta-feira entre 5h da manhã e 20h em todo o estado de Pernambuco. As atividades religiosas são enquadradas como serviços não essenciais. Aos finais de semana, as igrejas e templos religiosos não poderão funcionar com atividades presenciais.

Os anúncios do governador Paulo Câmara (PSB) foram feitos no mesmo dia em que Pernambuco passou de 300 mil casos e de 11 mil mortes causada pela covid-19.

A Secretaria de Saúde de Pernambuco registrou, nesta segunda-feira (1º), 629 casos da covid-19 e mais 11 mortes pela doença. O estado totaliza 300.104 casos confirmados e 11.007 mortes pela covid-19.

Nesta segunda-feira (1º), a taxa de ocupação de leitos de UTI para tratamento da covid-19 atingiu 94%.

LEIA TAMBÉM:
> Covid-19: Justiça de Pernambuco suspende atividades presenciais até 10 de março
> Após STF liberar estados a comprarem vacinas, Paulo Câmara vai a Brasília na terça para tratativas com fabricante da Sputnik V
> Miguel Coelho se reúne com frente de prefeitos e discute consórcio para compra de vacinas contra covid-19
> Covid-19: ocupação de UTI atinge 91% nas redes pública e privada, e Governo de Pernambuco abre novos leitos

“Passamos o final de semana monitorando os dados da pandemia. O trabalho continuou nesta segunda-feira e, infelizmente, o cenário só se agravou, mesmo com a abertura de novos leitos de UTI. Estamos agora com 93% de ocupação em nossos leitos de terapia intensiva, e nada aponta para a melhora desse quadro. A contaminação e a hospitalização decorrentes da Covid-19 estão em aceleração, e precisamos reduzir o contato social para frear essa escalada dos números”, afirmou Paulo Câmara.

VEJA TAMBÉM:
> Com medo do coronavírus, vereadores do Recife suspendem atividades presenciais
> Bancada evangélica quer igrejas e templos enquadrados como serviço essencial no Recife
> Multas ambientais podem ser usadas pelo Governo do Estado para compra de vacinas contra a Covid-19

O governador anunciou também que a abertura de leitos de UTI continua. “Amanhã, teremos 18 novos leitos no Hospital Agamenon Magalhães em funcionamento, e até o final da semana chegaremos a 50 novas vagas”, reforçou Paulo Câmara, justificando que o cenário de aceleração da doença levou a taxa de ocupação para perto dos piores índices registrados no ano passado.

> Um ano depois, 250 mil mortos


FECHAR