publicidade
04/01/21

João Campos vai a comunidade carente e promete títulos de posse e obras de infraestrutura

04 / jan
Publicado por jamildo em Notícias às 12:12

Não se falou em prazos nem em valores a serem investidos nas obras prometidas.

Nesta segunda-feira (4), o prefeito João Campos começou seu primeiro dia útil de agenda com uma visita à comunidade Irmã Dorothy, no bairro da Imbiribeira.

A comunidade foi a primeira visitada pelo então candidato a prefeito, que se comprometeu a retornar, caso eleito.

João Campos assinou uma portaria determinando que a Secretaria de Política Urbana e Licenciamento realize os estudos técnicos para garantir a regularização e urbanização de toda a comunidade, onde moram cerca de 10 mil pessoas.

De acordo com a PCR, a partir da assinatura da Portaria, a Secretaria de Política Urbana e Licenciamento será responsável por fazer os estudos para garantir a regularização fundiária, com a posse das moradias, além dos projetos para o saneamento, drenagem, pavimentação e a identificação de espaços onde possam ser localizados os equipamentos de Saúde e Educação.

O secretário de Política Urbana e Licenciamento, Leonardo Bacelar, garantiu que os estudos serão realizados “ouvindo a comunidade e respeitando a história de luta dos moradores”.

“Hoje foi dado o primeiro passo para o início do estudo, com a presença do prefeito, para a gente começar a fazer todo o levantamento da parte documental. É uma luta grande aqui da comunidade a briga pela moradia. E estamos hoje tentando transformar isso em realidade. Dar garantia à comunidade de ter um título de posse, a propriedade da sua casa, todo dia dormir e acordar sabendo que não vai ter problema algum. É uma luta em conjunto com a comunidade e com outras Secretarias para poder fazer isso acontecer, dar essa qualidade de vida à comunidade e também ouvir o que a essa comunidade quer”, disse, Leonardo Barcelar.

O prefeito João Campos comentou a própria iniciativa.

“No primeiro dia de campanha eu vim aqui na Comunidade Irmã Dorothy e firmei esse compromisso. A comunidade da Irmã Dorothy tem mais de 15 anos, aqui moram mais de 10 mil pessoas e é uma comunidade que não tem direito à terra, ao saneamento, ao abastecimento de água, a uma unidade de saúde e a uma unidade educacional. Eu vim aqui porque eu sempre disse que o nosso compromisso é fazer o que falta ser feito no Recife”.

“Eu vim aqui hoje para dar o pontapé inicial, em que a Secretaria de Política Urbana e Licenciamento vai conduzir todos os projetos e os estudos para desapropriar a área, fazer o saneamento integrado, construir uma unidade de saúde e uma unidade educacional dentro da comunidade Irmã Dorothy”, disse João Campos.

“Foi importante a visita do prefeito João Campos. Caso seja realizado o que foi prometido, será muito bom para as famílias. Conheço muito bem a área. Estava lá no primeiro momento quando as famílias começaram a construir suas casas. É de fato um exemplo de desigualdade social. Lá não é só necessário regularização fundiária, mas principalmente a urbanização da área. Não existe saneamento básico, as famílias não tem abastecimento de água contínua e que atenda a todos. Creche e posto de saúde são fundamentais, não existe nenhuma equipe de saúde que atenda está área. Espero e estamos dispostos a colaborar com um projeto que seja efetivo e factível. Bem ao lado da Irmã Dorothy tem outras comunidades como a Beira da Maré e Nova Esperança, essa última nem energia elétrica tem, que necessitam também da ação do poder público. Esperamos que tudo que não foi feito antes, seja realizado agora”, comentou o ativista social Felipe Cury, do PT.


FECHAR