publicidade
05/08/20

Alberto Feitosa critica sistema de transporte e promete usar PM e Guarda Municipal para resolver problemas

05 / ago
Publicado por jamildo em Notícias às 18:22

O candidato Alberto Feitosa visitou a integração da Macaxeira, andou de ônibus e criticou o que chamou de abandono do sistema de transporte público no Recife.

Os candidatos Marília Arraes e João Campos também trataram de mobilidade nesta quarta-feira.

Marília Arraes cobra funcionamento de 100% da frota de ônibus

João Campos defende área exclusiva para pedestres, ciclistas e usuários de transporte coletivo

“O transporte público em Pernambuco é sinônimo de falta de planejamento, estratégia e organização”, disse Feitosa.

Alberto Feitosa, deputado estadual e pré-candidato à Prefeitura do Recife, esteve pela manhã no terminal integrado da Macaxeira, na Zona Norte do Recife, e disse ter sentido na pele as dificuldades dos usuários do transporte público ao fazer o percurso até a Estação Treze de Maio, no centro da cidade, no ônibus Avenida Norte/Macaxeira.

Novo aliado do presidente Bolsonaro, Alberto Feitosa disse que já denunciou em suas redes sociais a precariedade do sistema de transporte coletivo oferecido aos pernambucanos e recifenses, cobrando do poder público uma ação efetiva que resolvesse o problema. “Nada mudou”.

O parlamentar chegou ao terminal às 5h30 e disse que se deparou com diferentes problemas enfrentados por estudantes e trabalhadores usuários do transporte público.

“A primeira falha que encontrei foi a falta de controle de acesso, entra e paga quem quiser. A máquina de recarga dos cartões VEM quebrada, além das filas intermináveis e ônibus saindo da integração lotados. No trajeto puder ver paradas quebradas, sujas e localizadas em lugares sem calçadas”.

Outro ponto levantado por Alberto Feitosa foi a insegurança dentro dos coletivos.

“Muitas pessoas me relataram que têm medo de assaltos, de serem furtadas e roubadas. Percebi que quando alguém subia no ônibus com algum objeto na mão, as pessoas demonstravam perplexidade”, afirmou.

O deputado criticou a falta de cuidado com as estações de BRT, sucateadas e fechadas.

“Isso que as pessoas estão vivendo com o transporte público tem que ser varrido do Recife. O que se vê na propaganda não é real. Um gestor tem que ter carinho e respeito pelas pessoas. Pulso firme para cobrar que as empresas entreguem os serviços pelos quais foram contratadas. As pessoas têm que andar nos ônibus com segurança. Vamos fazer isso acontecer, com a Polícia Militar em parceria coma Guarda Municipal cuidando dos corredores de ônibus. Isso vai mudar. É o meu compromisso”, disse.


FECHAR