publicidade
28/05/20

‘Aqueles que sucatearam nossa saúde pública que sejam cobrados na forma da lei’, diz Daniel Coelho

28 / maio
Publicado por jamildo em Notícias às 14:15

O deputado federal Daniel Coelho, do Cidadania, de oposição no Recife e apontado como um dos pré-candidatos na capital, divulgou uma nota oficial na condição de presidente do partido, comentando a operação da PF na PCR, nesta quinta.

Daniel Coelho – Presidente Estadual do Cidadania

O descaso da prefeitura do Recife com a transferência, com o zelo dos recursos públicos e com a prioridade à proteção da vida ultrapassou todos os limites.

As informações públicas que temos da compra milionária de respiradores em uma empresa de petshop, de capital social de 50 mil reais, de equipamentos apenas testados em porcos é estarrecedora. Seria isso a ponta de um iceberg?

Damos total apoio às investigações e à Polícia Federal. Que tudo se esclareça e os culpados sejam apontados.

No meio de tudo isso, sabemos que vidas foram perdidas e pacientes estão sem as condições adequadas de tratamento porque nos falta uma gestão que trate com seriedade o desafio que está colocado.

Fica também nosso apoio ao Ministério Público, que tem cumprido seu papel, fiscalizando e cobrando explicações, enfrentando ataques, até no campo pessoal, contra seus integrantes, por parte dos que ainda insistem em tratar Pernambuco como curral, como capitania hereditária.

Graças às instituições fortes estabelecidas em nossa Constituição, o nosso povo sente a esperança de que dias melhores virão. De que aqueles que sucatearam nossa saúde pública, nos deixando com um dos piores sistemas de atendimento do Brasil, serão cobrados na forma da lei.

LEIA TAMBÉM:
> Caso Juvanete. Em parecer, Prefeitura do Recife diz que respiradores estavam em estoque e precisavam de validação da Anvisa
> MPCO denuncia supostas irregularidades na compra de 500 respiradores no Recife. ‘Falsidade ideológica, peculato, lavagem e fraude’. Prefeitura rebate
> Empresa questionada pelo MPCO desiste de venda de ventiladores, diz Prefeitura do Recife


FECHAR