publicidade
25/03/20
Foto: Roberto Pereira/PSB
Foto: Roberto Pereira/PSB

Veja quanto os municípios vão receber do governo de Pernambuco para assistência social diante do coronavírus

25 / mar
Publicado por José Matheus Santos em Notícias às 12:40

O Governo de Pernambuco vai liberar R$ 1,4 milhão em repasses às 184 cidades pernambucanas, além do arquipélago de Fernando de Noronha. O valor será destinados aos Fundos Municipais de Assistência Social e foi aprovado durante reunião realizada pela Comissão de Intergestores Bipartite (CIB), que reúne os gestores da política de assistencial do estado e municípios, em reunião virtual.

Inicialmente, os repasses atendiam apenas 61 municípios que estavam habilitados, mas foi aberto aos demais diante da situação da pandemia do novo coronavírus.

LEIA TAMBÉM:
» Coronavírus. Bolsonaro defende isolar apenas idosos e doentes: ‘vou definir junto com Mandetta’
» ‘Brasil está sem comando’, diz Paulo Câmara após pronunciamento de Bolsonaro
» ‘Abjeto’, ‘estarrecedor’, ‘genocida’: bancada de Pernambuco reage a pronunciamento de Bolsonaro
» União e Prefeitura entram em acordo, e ventiladores pulmonares ficam no Recife em combate ao coronavírus
» Geraldo Julio vai tentar gerar receita extra antecipando IPTU de 2021

“Esses recursos servirão para que os municípios possam realizar a aquisição de itens para concessão de benefício eventual às famílias que encontram-se em situação de vulnerabilidade. Os valores também servirão como um auxílio para os municípios estruturarem suas ações, como por exemplo as medidas para atendimento à população de rua”, diz Sileno Guedes, secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude.

Os valores a serem recebidos variam de acordo com o tamanho populacional da cidade. Municípios de pequeno porte (até 50 mil habitantes) recebem R$ 6 mil. Os de médio porte (de 50.001 até 100 mil habitantes) e Fernando de Noronha receberão R$ 12 mil, enquanto os de grande porte (de 100.001 até 900 mil pessoas) terão direito a R$ 16 mil. O Recife, única cidade que se encaixa na faixa acima dos 900 mil habitantes, receberá R$ 42 mil.

Para viabilizar a medida, a Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude suspendeu, em caráter excepcional e temporário, até o próximo dia 19 de junho, a obrigatoriedade da prestação de contas dos municípios que seria um impedimento para repassa os recursos fundo a fundo.

LEIA TAMBÉM:
» Em sessão virtual, deputados estaduais aprovam calamidade pública em Pernambuco
» Estados e municípios também podem tomar medidas contra pandemia, decide ministro do STF
» Veja o novo horário de atendimento das agências da Caixa por causa do coronavírus


FECHAR