publicidade
20/02/20
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Cid Gomes posta vídeo em hospital um dia após ser baleado no Ceará; assista

20 / fev
Publicado por José Matheus Santos em Notícias às 11:49

O senador Cid Gomes (PDT-CE) falou pela primeira vez após ter sido atingido por dois tiros de arma de fogo durante conflito com policiais em Sobral, interior do Ceará. 

“Quero agradecer a toda equipe do Hospital. Quero me comprometer de poder retribuir no futuro buscando recursos para mais equipamentos e para salvar mais vidas como salvaram a minha”, disse Cid, que citou médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem e nutricionistas.

“Saio daqui sem necessidade de cuidados intensivos”, completou o parlamentar em vídeo publicado em rede social.

LEIA TAMBÉM:
» Cid Gomes é baleado em Sobral, em confronto com PMs em greve
» Senador deixa UTI de hospital um dia após ser baleado em protesto de policiais no Ceará
» Após sair da UTI, Cid Gomes deixa hospital em Sobral e é transferido para Fortaleza

Assista

No fim da manhã desta quinta-feira (20), a assessoria do parlamentar informou que Cid Gomes (PDT) está sendo transferido, na tarde desta quinta-feira (20), para Fortaleza.

Segundo a assessoria de comunicação de Cid, ele ficou internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) durante 12 horas “por cautela”.

“Na manhã desta quinta-feira (20), Cid Gomes foi transferido pra o quarto. Ele está bem, conversando e respirando normalmente. Por questões familiares, está sendo transferido para Fortaleza”, completa a nota.

Mais cedo, também na manhã desta quinta-feira (20), o senador Cid Gomes (PDT-CE) deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital do Coração, em Sobral (CE), informou boletim médico da unidade de saúde. 

Cid Gomes deu entrada no Hospital do Coração de Sobral nesta quarta-feira (19) após ser baleado em um motim de policiais para reivindicar aumento salarial em Sobral (a 270km de Fortaleza), berço político do senador (veja abaixo o momento exato em que Cid foi atingido).

O senador entrou na unidade hospitalar com ferimento no hemitórax esquerdo, segundo os médicos.

“Após atendimento inicial, o senador evoluiu sem intercorrência nas últimas horas, mantendo-se hemodinamicamente estável e com padrão respiratório normal, não mais necessitando de cuidados de terapia intensiva, recebendo, portanto, alta para a enfermaria”, disse boletim médico divulgado às 8h40 desta quinta-feira (20).

O boletim médico é assinado por Joaquim David Carneiro Neto, diretor técnico do hospital. Na nota, não há informações de uma possível transferência do senador para outra unidade de saúde.

Inicialmente, a assessoria do senador disse que ele havia sido atingido por uma bala de borracha. Depois, foi informado que o tiro, na verdade, foi disparado por uma arma de fogo (veja abaixo o momento exato em que Cid foi atingido).

O pedetista pilotava uma retroescavadeira e tentava furar um bloqueio feito por policiais no 3º Batalhão da Polícia Militar do município.

Irmão de Cid, o ex-ministro Ciro Gomes (PDT) disse no Twitter que os dois tiros que atingiram o senador “não atingiram órgãos vitais”.

LEIA TAMBÉM: Cid Gomes é baleado em Sobral, em confronto com PMs em greve

Veja o momento exato em que Cid Gomes é baleado

 


FECHAR