publicidade
13/02/20
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

‘Fala de Paulo Guedes mostra visão do Governo Federal em relação aos mais pobres’, diz Geraldo Julio

13 / fev
Publicado por José Matheus Santos em Notícias às 12:36

O prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), classificou como “absurda” a declaração dada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, sobre a alta do dólar. 

Durante um evento em Brasília nesta quarta-feira (12), Paulo Guedes disse que o dólar mais alto “é bom para todo mundo” e citou que empregadas domésticas estavam “fazendo uma festa danada” ao irem à Disney, que fica em Orlando (EUA), no período em que o dólar estava em baixa.

“O câmbio não está nervoso, (o câmbio) mudou. Não tem negócio de câmbio a R$ 1,80. Todo mundo indo para a Disneylândia, empregada doméstica indo para Disneylândia, uma festa danada. Pera aí. Vai passear ali em Foz do Iguaçu, vai passear ali no Nordeste, está cheio de praia bonita. Vai para Cachoeiro do Itapemirim, vai conhecer onde o Roberto Carlos nasceu, vai passear no Brasil, vai conhecer o Brasil. Está cheio de coisa bonita para ver”, disse o ministro da Economia.

Questionado sobre o discurso de Guedes, o prefeito Geraldo Julio disse que a afirmação é “absurda” e afirmou que a gestão Bolsonaro promove cortes na educação e na assistência social.

“Uma declaração absurda e que mostra as ações que esse governo tem em relação às pessoas de baixa renda do país. 1 milhão e 200 mil famílias foram expulsas do Bolsa Família, houve cortes na educação e na assistência social, especificamente um aumento de 84% na passagem do metrô e todo dia tem pane no metrô (do Recife)”, disse Geraldo ao blog.

“Esse governo está sempre empobrecendo os mais pobres. Isso era feito diante de um discurso que meio que escondia esse sentimento e agora se revelou o que é objetivo deste governo que é empobrecer os mais pobres”, disse o prefeito.

‘Prejudica os municípios’

O prefeito Geraldo Julio disse também que o Governo Federal tem um tratamento diferenciado com os municípios e, com isso, prejudica os mais pobres do Nordeste, na avaliação do gestor.

“Esse é um governo que não ajuda os municípios brasileiros. O Minha Casa Minha Vida que tinha obras espalhadas por todo o país era um programa importante e ainda gerava renda porque gerava muitos empregos (…). Isso é para o País, não para o Recife especificamente”, afirmou o prefeito.

Para Geraldo Julio, as ações do Governo Federal prejudicam mais o Nordeste, região com mais pobres no País.

O Nordeste é a região do País que tem mais pobres e é a região com mais pessoas de baixa renda. Um governo que atua contra essas pessoas prejudica mais o Nordeste”, completou o socialista.

 


FECHAR