publicidade
05/02/20
Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem

Podemos é o melhor lugar para Patrícia Domingos, diz Álvaro Dias

05 / fev
Publicado por José Matheus Santos em Notícias às 9:29

Liderança nacional do Podemos, o senador Álvaro Dias afirmou que considera o partido o “melhor lugar” para a Delegada Patrícia Domingos fazer política. Cotada para disputar a Prefeitura do Recife, Patrícia está em Brasília acompanhada do deputado federal e presidente estadual do Podemos, Ricardo Teobaldo, com quem já fechou acordo para ingressar no partido, conforme revelou o blog recentemente.

“Tenho as melhores referências sobre Patrícia Domingos. Por isso, fico muito feliz com o eventual ingresso dela no partido”, disse Álvaro Dias ao blog nesta quarta-feira (5).

“A prioridade do nosso partido é o combate à corrupção e para entrar no Podemos tem que ter ficha limpa. Temos a defesa da ética na política”, afirmou o senador. Para o senador que representa o Paraná, Patrícia Domingos “se identifica com as causas do partido”.

LEIA TAMBÉM:
» Patrícia Domingos ‘limou’ evento do Aliança e foi ‘brincar’ em bloco de Carnaval de Boa Viagem
» Delegada Patrícia Domingos vai se filiar ao Podemos em fevereiro e será pré-candidata a prefeita no Recife
» Delegada Patrícia Domingos ‘rouba’ votos de Daniel e Mendonça e afunda tese de candidatura única no Recife

Questionado pela reportagem sobre um possível encontro com a delegada em Brasília, o senador disse que ainda não se encontrou pessoalmente com Patrícia Domingos, mas que a reunião pode acontecer nesta quarta.

“Ainda não tive contato com eles, mas certamente hoje eu ficarei sabendo do que está ocorrendo. Ontem (terça, 4), no fim da tarde, eles (Patrícia e Ricardo Teobaldo) estavam conversando na Câmara. Poderemos ter uma conversa hoje”, disse Álvaro.

O blog apurou que a Delegada Patrícia Domingos se reuniu também em Brasília com a deputada federal Renata Abreu (Podemos-SP), presidente nacional da legenda.

Fonte ouvida pelo blog de forma reservada disse que a delegada tem demonstrado, em conversas informais, admiração pelo senador Álvaro Dias, expoente nacional do Podemos, e pelo deputado Ricardo Teobaldo, além de ser alinhada ao ex-juiz da Lava Jato, Sergio Moro, atual ministro da Justiça do governo Bolsonaro e que o Podemos pretende lançar na disputa presidencial em 2022.

VEJA MAIS:
» Decisão de Marília Arraes de sair candidata ou não pode afetar chapa da Direita no Recife
» Líder da oposição, Marco Aurélio diz que Patrícia Domingos é bem-vinda na oposição
» Bolsonaro terá candidato próprio no Recife se Aliança conseguir registro na Justiça, diz aliado próximo ao presidente

Aliança de três partidos

A delegada Patrícia Domingos pode construir a aliança outrora deseja por Joaquim Francisco e agora pregada pela oposição na disputa pela Prefeitura do Recife. A costura envolve três partidos: Podemos, PSC e PL. Os três partidos têm dado sinais de que podem embarcar na candidatura da delegada caso ela confirme que vai entrar na disputa pelo comando da capital pernambucana.

No sábado (1º), enquanto bolsonaristas realizavam evento de apoio ao Aliança pelo Brasil, Patrícia participou de prévia carnavalesca em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, ao lado do deputado estadual Wanderson Florêncio (PSC) e do presidente municipal do Podemos, Weberson Florêncio.

Desejo de várias legendas 

Nos bastidores da política, a expectativa é de que Patrícia se filie ainda durante o mês de fevereiro ao Podemos.

Em grupos mais restritos da política local, já se sabia que a delegada Patrícia Domingos, da Polícia Civil de Pernambuco, havia solicitado à Secretaria de Defesa Social (SDS) uma licença de afastamento do trabalho que coincidia com o período eleitoral deste ano.

A jovem servidora pública estava sendo cortejada por vários partidos de direita e centro no Recife, como PRTB, PSL e Novo, Cidadania. Democrata e Podemos, para uma disputa majoritária na capital, depois que o governo do Estado, nas eleições de 2018, decidiu extinguir a Delegacia de Polícia de Crimes Contra a Administração e Serviços Públicos (Decasp), da qual Domingos foi titular, e criar a Departamento especializado no combate à corrupção e ao crime organizado (Draco).

Na luta pela composição de apoios no Recife, o Podemos estava nos planos do pessoal do Aliança pelo Brasil, dos bolsonaristas.

O que se sabe é que o Podemos, no plano nacional, tem se desgarrado do bolsonarismo, depois da briga do presidente com o PSL. 


FECHAR