publicidade
21/01/20
Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem

‘Nada confirmado’, diz a delegada Patrícia Domingos

21 / jan
Publicado por jamildo em Notícias às 14:01

A delegada da Polícia Civil de Pernambuco Patrícia Domingos disse ao blog, nesta terça-feira, que ainda não se decidiu por partido algum, para disputar as eleições do Recife em 2020.

‘Nada confirmado’, disse a delegada Patrícia Domingos, nesta terça-feira.

Em breve, a delegada pode estar no programa Resenha Política, da TV JC, para comentar sua participação nas eleições deste ano. A data não foi definida.

Nos meios políticos, já se sabe até que a delegada está conversando com alguns marqueteiros, de olho na estruturação da campanha.

Delegada Patrícia Domingos vai se filiar ao Podemos em fevereiro e será pré-candidata a prefeita no Recife

Em grupos mais restritos da política local, já se sabia que a delegada Patrícia Domingos, da Polícia Civil de Pernambuco, havia solicitado à Secretaria de Defesa Social (SDS) uma licença de afastamento do trabalho que coincidia com o período eleitoral deste ano.

LEIA TAMBÉM
» Marco Aurélio diz que Patrícia Domingos é bem-vinda na oposição
» Vereador de oposição diz que candidatura de Patrícia Domingos ‘ajuda o povo em se ver livre do PSB’
» Patrícia Domingos não descarta disputar a Prefeitura do Recife

De acordo com informações de bastidores da política local, a delegada fechou um acordo informal com o presidente do Podemos em Pernambuco, deputado federal Ricardo Teobaldo, para ser pré-candidata a prefeita do Recife, nestas eleições.

A expectativa é que a assinatura da ficha de filiação ocorra em fevereiro, no Recife.

Na semana passada, a delegada teve uma conversa pessoal com a presidente nacional do Podemos, Renata Abreu(Podemos/SP), em São Paulo, levada pelas mãos de Ricardo Teobaldo.

A jovem servidora pública estava sendo cortejada por vários partidos de direita e centro no Recife, como PRTB, PSL e Novo, Cidadania. Democrata e Podemos, para uma disputa majoritária na capital, depois que o governo do Estado, nas eleições de 2018, decidiu extinguir a Delegacia de Polícia de Crimes Contra a Administração e Serviços Públicos (Decasp), da qual Domingos foi titular, e criar a Departamento especializado no combate à corrupção e ao crime organizado (Draco).

Não por acaso, a delegada vinha promovendo um movimento no Recife chamado Protagonize, com o objetivo declarado de formação política de novos quadros para as eleições. Daniel Coelho (Cidadania) e  Priscila Krause (DEM) chegaram a tomar parte das palestras, em um dos eventos, na Livraria Jaqueira.

Na luta pela composição de apoios no Recife, o Podemos estava nos planos do pessoal do Aliança pelo Brasil, dos bolsonaristas.

Ricardo Teobaldo sempre foi ligado ao ex-senador  Armando Monteiro Neto, mas não há informações confiáveis de que Armando Monteiro está por trás das articulações. O que se sabe é que o Podemos, no plano nacional, tem se desgarrado do Bolsorismo, depois da briga do presidente com o PSL. O Podemos tem planos de lançar o ministro e ex-juiz Sergio Moro como candidato em 2022.

» Daniel Coelho diz que pode abrir mão de ser candidato no Recife por união contra o PSB
» Joaquim Francisco é opção real do PSDB para o Recife, diz Bruno Araújo
» ‘Preciso conversar com Joaquim Francisco’ diz Joaquim Francisco, com bom humor, sobre candidatura


FECHAR