publicidade
13/01/20
Foto: Carolina Antunes/Presidência da República
Foto: Carolina Antunes/Presidência da República

Apoiadores de Bolsonaro vão fazer ato no Recife por assinaturas para criar partido

13 / jan
Publicado por Amanda Miranda em Notícias às 10:37

Apoiadores de Jair Bolsonaro (sem partido) no Nordeste estão organizando eventos na região em busca de assinaturas para viabilizar a criação da nova legenda proposta pelo presidente, a Aliança pelo Brasil. No Recife, o ato será no dia 1º de fevereiro.

De acordo com o coronel Luiz Meira, um dos organizadores, a expectativa é de reunir cerca de 2 mil pessoas na capital pernambucana. O local ainda não foi definido.

Para que possa disputar as eleições municipais deste ano, o partido precisa ser criado até abril. São necessárias quase 500 mil assinaturas, em nove estados. O processo de coleta começou em dezembro.

Bolsonaro afirmou, em entrevista, que o Recife é uma das prioridades do seu grupo este ano. No mesmo dia, o presidente admitiu que não deve conseguir criar o partido a tempo de disputar.

Como solução, segundo Meira, os apoiadores devem escolher um candidato da direita. O militar citou como partidos da base que podem indicar um candidato PRTB, Patriota, PSC e DEM. “Vai ser um candidato. Deixa lá a esquerda dividida”, afirmou ao Blog de Jamildo.

Alguns dos nomes apontados desses partidos são o ex-ministro Mendonça Filho (DEM), além do deputado federal André Ferreira (PSC), irmão do prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira (PR), pré-candidato à reeleição; e do deputado estadual Marco Aurélio (PRTB).

Durante o fim de semana, passou a ser ventilado o nome o ex-governador Joaquim Francisco (PSDB).

Na esquerda, além do deputado federal João Campos (PSB), podem ser candidatos Marília Arraes (PT) e Túlio Gadêlha (PDT).

Na capital pernambucana, Bolsonaro foi o candidato mais votado no primeiro turno, com 43,14%. No segundo turno, porém, Fernando Haddad (PT) conseguiu reverter a votação e ficou na frente, com 52,50%.


FECHAR