publicidade
16/12/19
Foto: Guga Matos/Acervo JC Imagem
Foto: Guga Matos/Acervo JC Imagem

Armando reage após FBC falar em ‘animar’ Raul Henry para 2020

16 / dez
Publicado por Amanda Miranda em Notícias às 7:45

O ex-senador Armando Monteiro Neto (PTB) criticou a declaração do aliado Fernando Bezerra Coelho (MDB) de que estaria tentando estimular uma candidatura do deputado federal Raul Henry, do seu partido, à Prefeitura do Recife. O petebista enfatizou que o emedebista foi vice-governador ao lado de Paulo Câmara (PSB), a quem o grupo faz oposição.

“Nomes bons nós temos como Mendonça Filho [do DEM], Daniel Coelho [do Cidadania], Silvio Costa Filho [do Republicanos], Priscila Krause [do DEM] e Marco Aurélio [do PRTB]”, citou Armando Monteiro, pela assessoria de imprensa. “No entanto, defendo que antes do nome a oposição tenha um projeto comum para mudar o Recife”.

LEIA TAMBÉM
» Esquerda deve se unir em 2020, defende Geraldo Julio
» Ciro Gomes lança pré-campanha de Túlio Gadêlha no Recife no dia 21
» Marília Arraes, João Campos e Mendonça Filho aparecem em disputa embolada no Recife
» Lula defendeu abertamente nome de Marília Arraes para disputa no Recife, em reunião do diretório do PT

“Falar de nome agora é um desserviço tanto para a oposição quanto para o Recife”, disse ainda. “Devemos cumprir etapas e nos unir em torno de propósitos que estejam conectados com os desejos do recifense. É clara a insatisfação com a falta de cuidado com a cidade, com a má gestão e com estagnação econômica da nossa capital”.

Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Em 2018, o grupo de oposição teve Armando Monteiro como candidato ao Governo de Pernambuco. Apoiado por lideranças como Fernando Bezerra Coelho, Mendonça Filho e Bruno Araújo (PSDB), o petebista recebeu 35,99% dos votos e foi derrotado pela segunda vez por Paulo Câmara, reeleito com 50,70%.

» O que a visita de Lula ao Recife diz sobre o PT nas eleições 2020
» No PSB, presidente cita possibilidade de candidatura de João Campos
» ‘Não falamos de eleição’, diz João Campos sobre encontro com Lula
» Oposição em Pernambuco se articula para eleições municipais em 2020

Fernando Bezerra havia entrado no MDB com o intuito de levar o partido para a oposição. A legenda tinha o maior tempo de televisão na campanha eleitoral.

Presidente da sigla, Raul Henry não aceitou a mudança e o caso foi parar na Justiça Eleitoral. Com o imbróglio, o MDB disputou a eleição na Frente Popular e Jarbas Vasconcelos foi eleito senador na chapa de Paulo Câmara. Depois do pleito, no entanto, eles e Fernando Bezerra se reaproximaram e hoje todos fazem parte da direção estadual.

Na última eleição, Fernando Bezerra disputou com Armando Monteiro para ser candidato ao governo pelo grupo de oposição.


FECHAR