publicidade
23/10/19
Paulo Câmara e Anderson Ferreira em 2016  (Foto: Divulgação)
Paulo Câmara e Anderson Ferreira em 2016 (Foto: Divulgação)

Paulo Câmara e Anderson Ferreira trocam farpas após reunião sobre óleo

23 / out
Publicado por Fillipe Vilar em Notícias às 17:42

Na tarde desta quarta-feira (23), Anderson Ferreira (PR), prefeito de Jaboatão dos Guararapes, saiu no meio de uma reunião com o governador Paulo Câmara (PSB) no Palácio do Campo das Princesas. Ao ser abordado por jornalistas que acompanhavam a discussão, o gestor afirmou que sua saída foi motivada por uma suposta falta de um protocolo de ação sobre o óleo que atinge as praias pernambucanas.

“Acredito que todas as cidades precisavam ser orientadas não apenas pelo governo federal, mas também pelo governo estadual para que pudessem unir forças”, disse. Para Ferreira, a reunião que ocorre nesta terça é uma atitude da gestão Paulo Câmara que vem “com um pouco de atraso”.

“Esperava que eu viesse para a reunião e que se definisse um protocolo do próprio governo”, afirmou Anderson. Ele disse viu o que interpretou como “mais discurso e pouca ação”, e resolveu sair para implantar em Jaboatão um protocolo próprio.

Assista

Paulo rebate

Após o fim da reunião, o governador Paulo Câmara afirmou que Anderson Ferreira “chegou atrasado e saiu mais cedo”. Segundo o socialista, o prefeito de Jaboatão “não contribuiu” com o debate sobre o óleo. Disse, também, que iria contribuir com Jaboatão e que esperava que Anderson “contribuísse também” para resolver a crise no litoral da cidade.

“Eu tenho muita responsabilidade com Pernambuco e espero que o prefeito também tenha a mesma responsabilidade com o seu município”, rebateu Paulo Câmara.


FECHAR