publicidade
26/08/19
Foto: Edmar Melo/Acervo JC Imagem
Foto: Edmar Melo/Acervo JC Imagem

Waldemar Borges rebate Priscila Krause sobre Teatro do Parque

26 / ago
Publicado por Douglas Fernandes em Notícias às 13:15

O deputado estadual Waldemar Borges (PSB) saiu em defesa do governo do prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), após as críticas da deputada Priscila Krause (DEM) ao segundo aditivo à obra do Teatro do Parque. A medida adiou o prazo de conclusão das obras para 2020 – quando se encerra o segundo mandato de Geraldo Julio. A previsão antes era que o equipamento fosse entregue em novembro deste ano. O valor total passou de R$ 5,5 milhões para R$ 8,1 milhões.

O parlamentar disse que o prefeito da capital tem a “sensibilidade” sobre a importância do Teatro do Parque para a cidade. “Como se pode tratar por descaso exatamente a gestão que encarou o problema e com olhar atencioso está devolvendo este importante equipamento com as características de 1929, quando o Teatro viveu seu apogeu?”, questiona Waldemar Borges.

Foto: Lourival Maia/Alepe

Segundo o socialista, o aditivo será necessário para que a reestruturação das colunas seja realizada para dar segurança ao público que voltará, de acordo com ele, em breve a desfrutar do equipamento cultural.

“(o aditivo) diz respeito à questão estrutural do Teatro do Parque identificada pelos técnicos responsáveis pela obra. Tratam-se das colunas de sustentação do salão principal, onde fica localizada a plateia. Todas elas estavam comprometidas por dentro em função da ação do tempo e a degradação estava encoberta”, explicou.

“Todos estamos querendo que o Teatro do Parque volte o mais rápido possível a ser reaberto e entregue aos recifenses de novo, sobretudo à classe artística e ao público amante da música e das artes cênicas. Mas a recuperação não é tão simples como pode parecer à distância e tem que ser feita dentro dos padrões exigidos para voltar a ser como já foi no passado. E é isso o que o prefeito está fazendo “, disse.


FECHAR