publicidade
05/08/19
Foto: Alan Santos/Presidência da República
Foto: Alan Santos/Presidência da República

Bolsonaro vai a Sobradinho, na Bahia, para inauguração de usina solar

05 / ago
Publicado por Douglas Fernandes em Notícias às 7:12

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) vai desembarcar, na manhã desta segunda-feira (5), no município de Sobradinho, na Bahia, para a inauguração da primeira etapa de uma usina solar fotovoltaica flutuante no reservatório da hidrelétrica da cidade baiana. Bolsonaro deve partir de Brasília, às 8h, e tem chegada prevista no município às 10h. Na comitiva presidencial, estão confirmadas as presenças do ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e o presidente da Eletrobras, Wilson Ferreira Júnior, e outras autoridades do setor elétrico.

A cerimônia está marcada para as 11h nas instalações da usina. Está é a segunda visita do presidente ao Nordeste depois da declaração sobre “governadores de paraíba”, em um café no Palácio do Planalto com jornalistas. No último dia 23, Bolsonaro inaugurou o aeroporto de Vitória da Conquista, também na Bahia, após trocar farpas com o governador da Bahia, Rui Costa (PT), sobre segurança do evento.

Segundo a Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), a usina solar flutuante é pioneira em lagos de usina hidrelétrica no mundo e aproveita a área sobre a a lâmina d’água dos reservatórios, evitando desapropriação de terras. A usina solar tem uma potência de geração 1MWp (Mega Watt pico) e está interligada à hidrelétrica de Sobradinho. A instalação permite ainda aproveitar as mesmas subestações e linhas de transmissão que escoam a energia produzida pela hidrelétrica.

Na segunda etapa do projeto, será instalada uma nova usina solar flutuante no reservatório de Sobradinho com potência de geração de 1,5 MWp (Mega Watt pico). No total, as duas instalações terão 2,5MWp de capacidade e com investimento de R$ 56 milhões.

O Projeto integra o Centro de Referência em Energia Solar de Petrolina (Cresp), que já implantou planta fotovoltaica em terra de 2,5 MWp de potência de geração. O Cresp tem uma carteira de projetos a serem implantados que somam cerca de R$ 200 milhões.

A Chesf prevê, também, a instalação de uma usina solar fotovoltaica flutuante o reservatório da Usina de Boa Esperança, no Piauí. Segundo a companhia, a instalação deverá ocorrer em 2020 e a instalação terá potência de geração de 1,25MWp.


FECHAR