publicidade
25/07/19
Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado
Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Bolsonaro ‘não pode indicar o filho embaixador’, diz Janaina Paschoal

25 / jul
Publicado por Douglas Fernandes em Notícias às 9:49

A deputada estadual Janaina Paschoal (PSL-SP) disparou contra a intenção do presidente Jair Bolsonaro (PSL) de indicar o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para ser embaixador nos Estados Unidos. Em entrevista ao site Universa, do portal UOL, a parlamentar afirmou que a possível indicação do filho do presidente é “ilegal”. “Na minha leitura, isso fere a lei de improbidade administrativa e é ilegal, mas colegas dizem que não. Ela exige impessoalidade nas decisões”, disse.

Janaina Paschoal elogiou Eduardo Bolsonaro, mas questionou como a medida seria recebida no exterior. “Não estou desmerecendo o Eduardo. Eu vejo que ele é um dos políticos com futuro mais promissor. Agora, o presidente da República não pode indicar o filho embaixador. Será que nenhum diplomata presta no país?”, indagou.

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agencia Brasil

A deputada disse estar “chocada” com a possível indicação e comparou a questão ao que avaliava negativamente nos governos do PT. “A pessoa que está no poder não pode tudo. Eu passei anos dizendo isso para o PT e eles não ouviram. Eu estou chocada que no início do governo o presidente esteja fazendo isso. Não é comparável com os desvios bilionários, mas não é certo. Eu achava que ele não cometeria erros”, disse.

“Ao indicar uma pessoa, deve-se levar em consideração o perfil, as ideias, mas o fator pessoal não pode ser o determinante. E quando ele diz que vai indicar Eduardo para essa embaixada, ele coloca como centro dessa decisão o fato de o rapaz ser filho dele. Isso é um absurdo”, afirmou.


FECHAR