publicidade
01/06/19
Foto : Anderson Barros/CMR
Foto : Anderson Barros/CMR

Oposição a Geraldo Julio vai fazer ‘blitz’ nos postos de saúde do Recife

01 / jun
Publicado por Douglas Fernandes em Notícias às 14:04

Líder da oposição ao governo Geraldo Julio (PSB) na Câmara do Recife, o vereador Renato Antunes (PSC) anunciou que a bancada a qual lidera vai iniciar uma uma blitz nas unidades de saúde da capital pernambucana. Segundo o parlamentar, existem sérios problemas nos postos de saúde da cidade.

“É preocupante a situação que verificamos em vários postos de saúde do Recife. Na comunidade de Sítio Grande, no bairro da Imbiribeira, a área de nebulização não funciona há mais de um ano. São crianças, famílias, pessoas que estão sendo prejudicadas. Lugar que era para ser de atendimento, virou sala de entulhos. O que intriga é saber que há recursos, mas falta gestão”, criticou Renato Antunes.

LEIA TAMBÉM
» Daniel Coelho quer candidato único de oposição no Recife em 2020
» João Paulo prevê PT, PSB e PCdoB juntos nas eleições de 2020
» Pré-candidato no Recife, Marco Aurélio quer mais de um nome de oposição em 2020
» PT vai tentar acordo com PSB em 2020, mas não há compromisso, diz Humberto
» Aliado de Paulo Câmara defende João Campos para a Prefeitura do Recife em 2020
» Mirando em 2020, oposição no Recife antecipa embate com João Campos

Renato Antunes (Foto: Anderson Barros/Divulgação)

De acordo com o oposicionista, além de questões estruturais e falta de medicamentos, há déficit de agentes de saúde substitutos, o que acaba prejudicando o atendimento nas unidades. “O mesmo problema que detectamos nas escolas, com falta de professores, é possível ver também na saúde do Recife. Áreas estão desassistidas de agentes de saúde, por não existir um planejamento da secretaria para repor os profissionais que solicitaram licença, ou estão afastados da função. Resumindo, mais uma vez a população é prejudicada”, disse.

O parlamentar disse que a iniciativa da oposição também está aberta à participação de vereadores da base governista. “O convite foi feito para todos, mas caso não aconteça adesão dos vereadores da base governista, vamos percorrer as unidades de todas as regionais e mostrar a realidade da saúde na cidade. O que for bom, vamos parabenizar, mas não aceitaremos ver famílias sem assistência, e nenhuma providência da Prefeitura”, finalizou.


FECHAR