publicidade
28/05/19

Deputado defende mais discussões sobre a reforma tributária na Câmara

28 / maio
Publicado por jamildo em Notícias às 16:20

A Câmara dos Deputados, atendendo a requerimento do deputado Fernando Monteiro (PP-PE), realizou, nesta terça-feira (28), sessão solene para reforçar a importância da comemoração do Dia Livre de Impostos, iniciativa que será realizada na próxima quinta-feira (30), em todo Brasil.

No Recife, movimentos liberais promovem ‘Chopp sem Imposto’

O evento nacional é organizado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e coordenado pela Câmara de Dirigentes Lojistas Jovem (CDL Jovem).

O Dia Livre de Impostos é uma ação realizada com o objetivo de conscientizar a população sobre o tema, além de apoiar as discussões em torno do assunto.

“A reforma mais urgente para o Brasil é a tributária. Pagamos taxas altíssimas. Alguns produtos chegam a 70% de seu valor só em impostos, que atingem em escala toda a cadeia produtiva, do produtor rural, à indústria e ao comércio, chegando ao consumidor”, disse o deputado federal na tribuna da Câmara aos demais colegas.

Em um ranking de 30 países, o Brasil é o 14° entre os que mais arrecadam impostos. Apesar disso, está em última colocação entre os que transformam estes recursos em benfeitorias para a população.

“A pesada carga tributária brasileira alerta a todos para a urgência de uma reforma visando sua simplificação e redução, o que permitirá a melhoria do ambiente de negócios do País”, pontua Fernando Monteiro.

Uma proposta está em andamento na Câmara dos Deputados. A Comissão de Constituição e Justiça aprovou, na última semana, a questão constitucional da PEC.

O texto em discussão substitui, de forma progressiva, cinco impostos em um. Agora a matéria vai para a Comissão Especial que será criada pela Presidência da Casa.

“Precisamos gerar empregos e incentivar o consumo. Temos que pensar o Brasil independente de interesses políticos ou de grupos econômicos”, afirma Fernando Monteiro.

A sessão solene na Câmara dos Deputados foi aberta ao público e teve também como requerente o deputado Charlles Evangelista (PSL-MG).

Menos estados, menos impostos e mais cerveja

Em uma crítica à alta carga tributária do Brasil, organizações que pregam o liberalismo, como o Livres e o Movimento Brasil Livre (MBL), vão promover mais uma edição do “Chopp sem Imposto”. A edição deste ano será realizada no dia 4 de junho, no Recife. Com o lema “não deixe o governo tomar a maior parte do seu chopp”, o evento vai reunir atrações liberais em quatro horas de duração.

Os organizadores lembram que os brasileiros já pagaram a marca de R$ 1 trilhão em impostos em 2019, segundo dados do Impostômetro. Em tom de ironia, eles divulgam os preços do chopp com imposto (R$ 8,00) e sem a tributação incidida (R$ 4,00) na divulgação do evento, que terá como sede o Mr. Hoppy Beer & Burguer, localizado na Avenida Rui Barbosa, número 815, no bairro das Graças. 

LEIA TAMBÉM
» Humberto apresenta projeto para aumentar imposto sobre cigarro
» 83% da população não está disposta a pagar mais impostos para manter o atual sistema de aposentadorias
» Bancada do PSB quer imposto sobre grandes fortunas para ‘acabar com privilégios’

“Venha aproveitar o único dia, neste ano, em que o Estado não pode meter a mão na sua gelada”, diz a divulgação.

O “Chopp sem Imposto” conta também com a organização dos movimentos Ateneu Pernambucano, Clube Frei Caneca, Coletivo Libertas, o Ladies of Liberty Aliance (Lola), Students for Liberty e  Rede Liberdade. Para participar, os interessados devem se inscrever pela internet. A inscrição é gratuita, mas há a opção de fazer doações para os movimentos.


FECHAR