publicidade
20/03/19
Foto: J. Batista/Câmara dos Deputados
Foto: J. Batista/Câmara dos Deputados

Custo com reestruturação das carreiras é de R$ 86,85 bilhões em dez anos

20 / mar
Publicado por Amanda Miranda em Notícias às 17:45

Estadão Conteúdo – O aumento dos salários dos militares previsto no projeto de lei que reforma as carreiras das Forças Armadas vai custar R$ 86,85 bilhões em 10 anos, de acordo com dados divulgados esta quarta-feira, 20, pelo governo federal. A economia com as mudanças nas regras de Previdência será de R$ 97,3 bilhões, resultando num ganho de R$ 10,45 bilhões em 10 anos.

LEIA TAMBÉM
» Bolsonaro: reforma que militares já tiveram foi mais profunda que a atual
» Bolsonaro vai à Câmara entregar Previdência dos militares pessoalmente
» Proposta para militares prevê economia líquida de R$ 10,45 bilhões em 10 anos

Esse aumento de salários está sendo chamado de reestruturação das carreiras. Os dados mostram que a equipe econômica conseguiu reduzir o custo dessa reestruturação, que já enfrenta resistências no Congresso. O custo estava até nesta quarta pela manhã estimado em R$ 101 bilhões. Por outro lado, a economia com as mudanças nas regras de previdência ficou menor do que os R$ 110 bilhões esperados.

A proposta inicialmente apresentada à equipe econômica pelos militares previa um impacto negativo de R$ 10,4 bilhões. A equipe econômica conseguiu reverter essa posição.


FECHAR