publicidade
10/01/19

Jaboatão anuncia melhoria no trânsito com mais tecnologia. Olinda põe câmaras para multar

10 / jan
Publicado por jamildo em Notícias às 14:30

De acordo com Bernardo Limongi, diretor da Sinalvida e especialista em trânsito, com um com trabalho de estudo de contagem de fluxo de veículos e dimensionamento do tempo de trafego, aliado a tecnologia, os ganhos podem ser mensurados em Jaboatão.

“Segundo dados de 2014 a imagem de transito na Avenida Bernardo Vieira de Melo era de amedrontar os motoristas que passavam pela via. O trecho de aproximadamente 3,7 km chegava a ser transitado em uma média de 20 a 30 minutos (se não houvesse nenhum acidente). Hoje, com o investimento em tecnologia, este trajeto se faz em torno de 8 e 9 minutos nos horários de pico”.

“Não temos como antecipar resultados, pois cada situação é especifica e depende de vários fatores. Contudo, em média, o ganho varia de 30% a 50% dependendo do horário, sentido do fluxo e outros fatores”, reforça o engenheiro sobre as tecnologias.

Os bairros de Piedade, Candeias e Prazeres possuem 60% dos pontos semaforizados do município.

Em 2017, a atual gestão realizou investimentos para modernizar o parque semafórico, sendo priorizados os corredores: Avenida Bernardo Vieira de Melo, Avenida Ayrton Senna da Silva, Avenida Presidente Castelo Branco, Avenida Presidente Kennedy, entre outras vias perpendiculares.

De acordo com o secretário executivo de Mobilidade e Acessibilidade de Jaboatão, Eden Vespaziano, o sincronismo semafórico era realizado por cabeamento. Devido a intempéries, ventos, maresia, entre outros problemas, havia perda do sincronismo, causando transtornos na segurança e na fluidez. Com a modernização, o sincronismo passou a ser realizado através de GPRS (General Packet Radio Services, ou Serviços Gerais de Pacote por Rádio).

A rede está conectada a um gerenciador que permite acompanhar o ciclo – tempo semafórico – podendo ser alterado em questão de minutos, garantindo maior fluidez em determinados horários.

“Diante de possíveis problemas (falta de energia elétrica, pulsos elétricos provocados por curto circuito na rede de fornecimento de energia, problemas nas placas controladoras) o sistema emite um alerta, possibilitando que o operador realize a correção on-line e ou acione uma equipe para o local”, disse o gestor público.

 

Em Olinda

Olinda passa a contar com uma Central de Videomonitoramento do Tráfego, para a mobilidade urbana, redução do número de acidentes e o controle da movimentação nas principais vias da cidade.

O novo sistema possui 18 câmeras de alta resolução, com capacidade de alcance de mais de 400 metros com nitidez. A plataforma funcionará, inicialmente, nos bairros de Peixinhos, Caixa D’Água, Jardim Brasil, São Benedito e Águas Compridas. A ampliação para outros pontos acontece neste mês de janeiro.

Em nota, o prefeito de Olinda, Professor Lupércio, diz que a segurança no trânsito deve ser foco do sistema.

“É um serviço integrado com todas as forças de segurança, além do Controle Urbano, instalado em pontos estratégicos e que permitirá ampliar e intensificar a qualidade da mobilidade em vias importantes de Olinda”, colocou.

A central ficará instalada na sede da Secretaria de Transportes e Trânsito, no Bonsucesso.

As câmeras HD são dotadas de giro em 360 graus, sendo capazes de gerar a aproximação das imagens, identificar as placas, a regularidade da documentação e todas as demais características dos veículos. Os equipamentos serão operados por agentes de trânsito do município, com a finalidade de ampliar a atuação dos profissionais dentro e fora da central. Neste primeiro momento, a ação tem caráter educativo, assumindo posteriormente a natureza de autuação para as infrações que forem registradas.

O secretário de Transportes e Trânsito de Olinda, Jonas Ribeiro, informou que, nos próximos dias, a Prefeitura de Olinda vai sinalizar os principais corredores, a exemplo da Avenida Presidente Kennedy e as suas transversais, com placas informando aos condutores que as vias estão sendo monitoradas.

A fiscalização por meio de câmeras está permitida em todo o país, por meio da resolução 532 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

Entre as principais infrações, que passarão a ser visualizadas em tempo real, estão o estacionamento irregular, manobras perigosas, a conversão em local proibido, fila dupla e motociclistas trafegando sem capacete.


FECHAR