publicidade
05/12/18
Foto: PRB/Divulgação
Foto: PRB/Divulgação

Silvio Costa Filho e Ossesio Silva participam de reunião com Bolsonaro

05 / dez
Publicado por Douglas Fernandes em Notícias às 8:45

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) começou nessa terça-feira (4) a se reunir com as bancadas dos partidos. Além dos deputados do MDB, o capitão reformado recebeu no Centro Cultural Banco do Brasil, onde funciona o gabinete de transição, os parlamentares do PRB, sigla que apoiou o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB) no primeiro turno e declarou neutralidade no segundo turno.

Os deputados federais eleitos de Pernambuco Silvio Costa Filho (PRB) e Ossesio Silva (PRB) participaram do encontro em que o presidente eleito apresentou as diretrizes do novo governo para fortalecer o diálogo com o Congresso Nacional. Até então, o capitão reformado só havia se reunido com bancadas temáticas, como a Ruralista e a Evangélica.

Durante a reunião, Bolsonaro ressaltou as prioridades do futuro governo como a reforma da Previdência, um novo pacto federativo, a retomada do crescimento econômico e o investimento público. Deputado estadual e presidente do PRB em Pernambuco, Silvio Costa Filho elogiou o presidente eleito ao afirmar que ele “está certo em acabar com o ‘toma lá, dá cá'” nas relações com o Congresso. O deputado federal eleito defendeu que a relação com o governo federal seja baseada em uma “agenda programática”, ressaltando que votará a favor de “projetos que forem bons para o Brasil”.

“Pude perceber nas palavras do presidente Bolsonaro, muita sinceridade no que ele está propondo para o Brasil. Acredito que ele está bem intencionado a fazer com que o País volte a crescer e a gerar oportunidades. O presidente está certo em acabar com o toma lá, dá cá, porque percebo que a própria classe política precisa refletir sobre o novo momento que o Brasil precisa viver. Defendo que a nossa relação com o Governo Federal precisa se basear dentro de uma agenda programática para o País. Todas as vezes que os projetos forem bons para o Brasil e para Pernambuco, votarei favorável, defendendo aquilo que acredito”, destacou Silvio, em nota enviada para a imprensa após o encontro.

Também deputado estadual, o bispo Ossesio Silva destacou a importância da reunião para “estreitar os laços” com as pautas do presidente eleito. “O encontro serviu para fortalecer e estreitar os laços republicanos com as ideias do novo presidente. Além de dar nossa contribuição para a discussão de pautas que abordem a retomada da economia do País e as dificuldades que iremos enfrentar”, afirmou.

O PRB é ligado à Igreja Universal – comandada pelo bispo Edir Macedo que declarou o seu apoio a Bolsonaro pouco antes do primeiro turno – e pertence ao grupo de siglas chamado Centrão – formado ainda por DEM, PR, PP e Solidariedade. A legenda pode rachar com o grupo caso o deputado federal João Campos (PRB-GO) venha mesmo a disputar a presidência da Câmara dos Deputados contra o atual comandante da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), – que conta ainda com o apoio majoritário do Centrão.

Bolsonaro também destacou no encontro que, pretende fortalecer o trabalho dos parlamentares nos respectivos Estados e que eles serão valorizados pelo Governo Federal, garantindo que não terão mais ministérios do partido A ou partido B, mas sim, ministérios que atenderão todos os deputados, independente do seu partido político.

Na reunião, a bancada federal do PRB garantiu que a legenda ficará independente, mas vai contribuir para o desenvolvimento social, econômico e nas discussões de temas importantes para o País, trabalhando para ajudar na governabilidade, dentro de uma agenda programática que fortaleça o crescimento e a geração de emprego.


FECHAR