publicidade
21/09/18
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Disputando espaço, Haddad e Ciro têm agendas em PE no fim de semana

21 / set
Publicado por Amanda Miranda em Eleições 2018 às 15:01

Ex-governador do Ceará, Ciro Gomes, candidato à presidência pelo PDT, tem disputado espaço no Nordeste com o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT), substituto do ex-presidente Lula na campanha presidencial. No primeiro fim de semana após Haddad crescer 16 pontos percentuais e passar a liderar a pesquisa JC/Ibope/TV Globo em Pernambuco, tanto o petista quanto Ciro – que oscilou um ponto para baixo e está com 12% – cumprem agenda no Estado.

Haddad chega neste sábado (21) e primeiro passa pelo Recife. Na capital, tem uma caminhada saindo da Praça Maciel Pinheiro, no Centro da cidade, às 9h. Em seguida, vai a Caruaru, maior cidade do Agreste, onde a prefeita é Raquel Lyra, do PSDB. Lá, participará de uma carreata marcada para as 14h.

No domingo (22), pela manhã, terá um ato político em Petrolina, no Sertão. O prefeito é Miguel Coelho, que, embora continue no PSB, é filho de Fernando Bezerra Coelho (MDB), líder do governo Michel Temer (MDB) no Senado.

Tanto os Lyra quanto os Coelho apoiam o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB), que passou pelo Recife nesta sexta-feira (21). Na capital, o tucano criticou Jair Bolsonaro (PSL) e o PT.

Ciro Gomes passou por Caruaru no início de setembro. Lá, tem o apoio dos Queiroz.

O presidenciável do PDT desta vez desembarca no Recife. A chegada dele no Aeroporto Internacional dos Guararapes, na Zona Sul da cidade, está prevista para as 13h30. Uma hora depois, Ciro tem um “bate-papo” no auditório do Colégio Auxiliadora, na área central. O pedetista está no palanque do ex-deputado federal Maurício Rands, candidato a governador pelo Pros que tem 2% das intenções de voto na JC/Ibope/TV Globo.

Apesar de o restante da sua chapa majoritária dar palanque a Alckmin, o senador Armando Monteiro Neto (PTB), segundo colocado na pesquisa, com 25%, cogita dar apoio a Ciro.

Haddad estará com o governador Paulo Câmara (PSB), candidato à reeleição que lidera o levantamento, com 33%. Após fechar aliança com os socialistas, o PT está na chapa dele, com o senador Humberto Costa (PT) tentando se reeleger.


FECHAR