publicidade
14/09/18
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Rede diz que foi ‘erro técnico’ divulgação de carreata pró-Bolsonaro

14 / set
Publicado por Douglas Fernandes em Eleições 2018 às 9:34

O anúncio do apoio do coronel Luiz Meira (PRP) e do empresário Gilson Neto (PSL), aliados do deputado federal Jair Bolsonaro (PSL), à candidatura do ex-prefeito Julio Lossio ao governo do Estado continua a render. Após divulgar uma carreata em apoio a Bolsonaro por meio de sua assessoria, o diretório de Garanhuns da Rede Sustentabilidade soltou uma nota em que diz que foi um “erro técnico” o envio do material para a imprensa. No texto, o diretório ressalta o apoio à candidatura da ex-senadora Marina Silva à Presidência e reforça o posicionamento da direção estadual da legenda contrário a “projetos políticos que estimulam o ódio”.

“A matéria enviada ontem (13) para os meios de comunicação referente a carreata pró-Bolsonaro que ocorrerá em Garanhuns, foi enviada por um erro técnico por parte de um dos assessores da REDE em Garanhuns. Reafirmamos que a direção estadual do partido não foi consultada sobre o apoio que seu candidato a governador, Julio Lossio, recebeu do coronel Meira, um dos principais representantes de Bolsonaro no estado”, diz a nota.

LEIA TAMBÉM
» Em meio a confusão com Lóssio, Rede divulga caminhada pró-Bolsonaro
» Bandeira de PE não existiria sem as cores, diz Lossio à Rede
» Rede desautoriza aliança de Lossio com apoiadores de Bolsonaro
» Coronel Meira vai sair para deputado federal e anuncia apoio para Julio Lossio

Nessa quinta-feira (13), o comando estadual da Rede enviou outra nota em que desautoriza “qualquer aliança de seus candidatos majoritários com apoiadores da candidatura de Bolsonaro”. A costura entre Lossio e Meira inclui uma dobradinha do coronel aposentado da PM, candidato a deputado federal, com a esposa de Julio Lossio, Andreia Lossio, que concorre a deputada estadual. Ainda na quinta (13), Lossio rebateu a direção estadual do partido e afirmou, em nota enviada por sua assessoria,  que “pretende unir todos os pernambucanos de bem, independente do partido e condição ideológica”.

“Ratificamos que nosso objetivo é eleger Marina Silva, uma mulher cuja história e trajetória carrega os ideais que lutamos: Democracia, justiça social, cultura de paz, desenvolvimento sustentável e tantos outros. A REDE reafirma seu compromisso com a cultura de paz e em oposição a projetos políticos que estimulam o ódio, a violência, a misoginia, a homofobia, o racismo, a xenofobia e a repressão aos movimentos sociais”, finaliza a nota.


FECHAR