publicidade
20/06/18
Foto: Ana Volpe/Agência Senado
Foto: Ana Volpe/Agência Senado

Conheça os pré-candidatos de Pernambuco ao Senado

20 / jun
Publicado por Victor Tavares em Eleições às 17:12

A corrida pelas duas vagas no Senado Federal promete ser acirrada nas eleições deste ano. Com seis pré-candidatos ao Governo de Pernambuco, pelo menos catorze pré-candidatos disputam as duas cadeiras para representar Pernambuco no Congresso Nacional nos próximos oito anos, levando inclusive a competições internas nas chapas.

LEIA TAMBÉM
» Conheça os pré-candidatos ao governo de Pernambuco

Confira os pré-candidatos ao Senado:

Mendonça Filho (DEM)

Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

José Mendonça Bezerra, 53 anos, filiado ao Democratas (DEM) é um dos pré-candidatos da frente de oposição ‘Pernambuco vai mudar’, que tem o senador Armando Monteiro Neto (PTB) como nome para disputar o governo. Até agora, foi o único anunciado oficialmente por uma coligação no Estado.

Mendonça foi deputado estadual, federal, vice-governador de Jarbas Vasconcelos – também pré-candidato ao Senado mas pela chapa de Paulo Câmara – e ministro da Educação no governo do presidente Michel Temer (MDB). Hoje, ocupa uma das 25 cadeiras de Pernambuco na Câmara dos Deputados.

Em 2006, Mendonça disputou o governo, sendo derrotado por Eduardo Campos e, em 2008, a prefeitura, quando João da Costa (PT) foi eleito.

» Oposição confirma Armando para o governo de Pernambuco e Mendonça para o Senado
» Armando Monteiro cita Daniel Coelho como opção para o Senado

Jarbas Vasconcelos (MDB)

Hélia Scheppa/SEI
Foto: Hélia Scheppa/SEI

Filiado ao MDB, Jarbas Vasconcelos, 75 anos, é um dos pré-candidatos do governador Paulo Câmara (PSB) ao Senado, com a vaga dada como certa para ele.

Jarbas – que já ocupou uma das cadeira no Senado Federal (2007 a 2015) – governou o Estado de 1999 a 2006, foi prefeito do Recife por duas vezes e é deputado federal. Ele foi eleito em 2014 com 227.470 votos, sendo o terceiro mais bem votado.

» Não vou ter dificuldade para pedir votos para Humberto, diz Jarbas

Humberto Costa (PT)

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Buscando a reeleição, Humberto Costa, 61 anos, é um dos principais nomes cogitados a ocupar a segunda vaga do Senado na chapa de Paulo Câmara. Mas, para isso, tem que se consolidar a aliança entre PSB e PT.

Humberto já foi Ministro da Saúde no governo Lula, vereador do Recife, deputado estadual e federal. Em 2010 foi eleito senador com 3.059.818 votos, junto a Armando Monteiro Neto (PTB), na chapa encabeçada pelo então governador Eduardo Campos (PSB). Hoje, é líder da oposição a Michel Temer no Senado.

» Foi uma atitude elegante da parte de Jarbas, diz Humberto

André Ferreira (PSC)

Foto: Roberto Soares/Alepe
Foto: Roberto Soares/Alepe

Atualmente na base aliada do governador Paulo Câmara (PSB), André Ferreira, 46 anos, foi eleito em 2014 deputado estadual com 74.448 votos após dez anos como vereador do Recife.

O líder evangélico busca ocupar a segunda vaga da chapa da situação o que é tido como uma condição para a permanência de seu partido na Frente Popular. Apesar disso, fontes palacianas afirmam que ele não deve conseguir o espaço na chapa, com a prioridade ao MDB, ao PT e a outros partidos da aliança, como PCdoB, PDT e PP.

Se não houver espaço para disputa do Senado no palanque de Paulo, André cogita ingressar na oposição e tentar sair candidato ao lado de Mendonça.

» André Ferreira faz ‘leilão’ para conseguir vaga no Senado, diz Elias Gomes

Eduardo da Fonte (PP)

Foto: Camara dos Deputados
Foto: Camara dos Deputados

Eduardo da Fonte (PP), 45 anos, foi o candidato mais bem votado em 2014 para deputado federal com 283.567 votos. Após conseguir ampliar os espaços do partido que preside no governo Paulo Câmara, com secretarias como a de Desenvolvimento Econômico e o Porto de Suape, disse que o partido não abre mão de uma vaga na chapa majoritária.

Apesar disso, o desejo dele pode não concretizar se o PSB se aliar com o PT.

» PP não abre mão da vaga no Senado, diz Eduardo da Fonte

Daniel Coelho (PPS)

Foto: Divulgalção
Foto: Divulgação

Daniel Coelho foi vereador do Recife por dois mandatos consecutivos, logo em seguida foi deputado estadual de Pernambuco, eleito em 2010, com 47.533 votos e, nas eleições de 2014, foi eleito deputado federal por Pernambuco com 138.825 votos, sendo o sexto candidato mais votado.

Este ano, Daniel – agora no PPS, depois de passar por PV e PSDB –  é tido como um possível nome para ocupar a segunda vaga para o Senado da frente oposição ‘Pernambuco vai mudar’, ao lado de Mendonça Filho.

» Quero ajudar Armando seja como deputado ou senador, diz Daniel

Sílvio Costa (Avante)

Foto: Artur Marrocos
Foto: Artur Marrocos

Silvio Costa, 61 anos, atualmente exerce seu terceiro mandato como deputado federal. Antes disso, foi vereador do Recife e deputado estadual de 2002 a 2006. Em Brasília, desempenhou a função de vice-líder do governo Dilma Rousseff (PT), sendo um dos principais defensores da petista no período do impeachment.

Ainda com a indefinição do PT entre apoiar o PSB ou manter a pré-candidatura da vereadora do Recife Marília Arraes, Silvio foi anunciado pela parlamentar na terça-feira (19), como candidato de sua possível chapa a uma das vagas ao Senado. A negociação para tê-lo na coligação foi negada pelo presidente estadual do PT, Bruno Ribeiro.

» Sem garantia, Marília anuncia Silvio Costa para o Senado e quer Humberto
» Silvio aponta ‘incoerência’ em Jarbas e Humberto, mas deixa em aberto ir com Mendonça

José Queiroz (PDT)

Foto: Foto: Acervo JC Imagem
Foto: Foto: Acervo JC Imagem

José Queiroz, 77 anos, foi prefeito de Caruaru por quatro mandatos. Filiado ao Partido Democrático Trabalhista (PDT), seu nome foi cogitado para ocupar uma das vagas ao Senado da chapa do governador Paulo Câmara (PSB), quando o presidenciável de seu partido, Ciro Gomes (PDT) visitou o chefe executivo do Estado e ensaiou uma possível aproximação. Queiroz também é cogitado para a vice do socialista.

Luciana Santos (PCdoB)

Foto: Nilson Bastian/ Câmara dos Deputados

No segundo mandato como deputada federal, Luciana Santos é presidente nacional do PCdoB e já foi deputada estadual por duas vezes, prefeita de Olinda também duas vezes consecutivas.

Aliada de Paulo Câmara, ela pleiteia para o partido ao qual é filiada desde 1987 uma vaga na majoritária.

Maurício Rands (PROS)

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Maurício Rands, 51 anos, foi deputado federal por Pernambuco por três mandatos consecutivos, entre 2003 e 2012. Ex-petista e ex-secretário de Governo de Eduardo Campos, Maurício se filiou ao PROS em abril deste ano e pode ser candidato ao Senado pelo partido, presidido no Estado pelo deputado João Fernando Coutinho. Como Coutinho, é da base de Paulo Câmara.

Antonio Campos (Podemos)

Foto: Sérgio Bernardo/ JC Imagem
Foto: Sérgio Bernardo/ JC Imagem

Antônio Campos, 49 anos, é irmão do ex-governador Eduardo Campos e disputou a prefeitura de Olinda em 2016 pelo PSB, sendo derrotado pelo Professor Lupércio (SD) no segundo turno do pleito.

Tonca – como é chamado – deixou o Partido Socialista Brasileiro em 2017 e se filiou ao Podemos (antigo PTN), almejando uma pré-candidatura ao Senado para dar palanque em Pernambuco para o senador Álvaro Dias, pré-candidato do seu partido à presidência.

Porém, o Podemo está na frente ‘Pernambuco vai mudar’, que não estaria cogitando sua candidatura.

Eugênia Lima (PSOL)

Foto: Reprodução internet
Foto: reprodução do Facebook

Eugênia Lima, 34 anos, compõe a chapa majoritária exclusivamente feminina do PSOL. Em 2016 ela disputou o cargo de vereadora em Olinda, sendo a mais bem votada do partido com 2.087 votos, porém não foi eleita por não ter atingido o coeficiente necessário. 

Albanise Pires (PSOL)

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Albanise Pires, 51 anos, foi fundadora do PSOL em Pernambuco e também candidata ao Senado em 2014, conquistando 27.319 votos. Chegou ainda a ser candidata a vice-prefeita do Recife em 2012 na chapa de Roberto Numeriano, em uma aliança com o PCB, mas não obtiveram a vitória.

Antônio Souza (Rede)

Foto: Reprodução internet
Foto: reprodução do Facebook

O empreendedor social Antônio Souza, que até abril era líder do PROS em Pernambuco, deixou o partido e anunciou que vai ser candidato a senador pela Rede, partido da presidenciável Marina Silva. Em Pernambuco o partido de Marina Silva tem como pré-candidato a governador o ex-prefeito de Petrolina Julio Lóssio.

Pastor Jairinho (Rede)

Foto: Reprodução internet
Foto: reprodução do Facebook

Cantor Gospel e pastor da Assembleia de Deus, Pastor Jairinho é uma aposta ao Senado da Rede e da presidenciável Marina Silva por ser o único pré-candidato do segmento evangélico até agora confirmado no Estado.



FECHAR