publicidade
13/03/18
Foto: Reprodução da internet
Foto: Reprodução da internet

Eymael reclama de boicote por parte da ‘grande’ mídia

13 / mar
Publicado por jamildo em Notícias às 14:15

O pré-candidato a presidência da Republica pela Democracia Cristã (DC), antigo PSDC, o presidente nacional da legenda e deputado federal constituinte José Maria Eymael está reclamando que não tem sido citado por parte da chamada grande imprensa, que tem dado destaque a nomes pouco conhecidos nos meio políticos em detrimento de quem a muito está presente na história do povo brasileiro.

“Nada contra”, diz Eymael.

“O fato que chama atenção é que o papel fundamental da imprensa é informar os cidadãos acerca do que esta acontecendo e vai movimentar um pleito tão importante, que deve escolher o próximo Presidente da Republica e todos os nomes e propostas devem estar presentes. Será que um constituinte com 145 propostas defendidas e aprovadas na Carta Magna do país, que propiciou mais comida na mesa das famílias brasileiras, pois coloquei na constituição que impostos podem ser seletivos para gêneros de primeira necessidade, o que propiciou a muitos governos estaduais abaixar suas alíquotas sobre o feijão e o arroz, por exemplo, e que propõe soluções para o Brasil não deve ser ouvido ou citado pela mídia?” questiona o candidato.

“O papel fundamental da imprensa em uma Democracia é o de bem informar, assim espero que cumpram com sua função para que o povo brasileiro, que tem sido vitima de tantos desmandos, possa escolher com mais propriedade, quem comandara os destinos da nação nos próximos anos”, salienta Eymael.

Na página do partido, o site destaca.

“De fato, durante a realização dos trabalhos da última Assembleia Nacional Constituinte, Eymael ficou entre os 15 com maior número de propostas defendidas, apresentadas e aprovadas. São dele todos os avanços trabalhistas que hoje fazem parte da Constituição, como a diminuição da jornada de trabalho de 48 para 44 horas semanais, a proteção do mercado de trabalho para as mulheres, a proibição da demissão imotivada e, entre outros, o artigo que define o modelo de sociedade que se quer para o Brasil, que foi citada pela Ministra Carmem Lucia em seu discurso pelo Dia Internacional da Mulher, que o de se construir uma sociedade livre, justa e solidária”.

“Além desses já citados, que por si só já bastavam para que seu nome figurasse entre os presidenciáveis com maiores condições de se elegerem, todo o capitulo da Constituição que versa sobre os direitos do contribuinte, como o a citado acima, saíram de sua caneta, por ser Eymael advogado tributarista por formação”

Ah, bom.


FECHAR