publicidade
29/10/16
Foto: TV Jornal
Foto: TV Jornal

João Paulo é o mais rejeitado pelos recifenses na última IPMN/JC

29 / out
Publicado por Amanda Miranda em Notícias às 12:02

A rejeição ao prefeito Geraldo Julio (PSB), candidato à reeleição, oscilou na última pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisa Maurício de Nassau (IPMN), em parceria com o Jornal do Commercio e com o Portal Leia Já, antes do segundo turno. Porém, o ex-prefeito João Paulo (PT) continuou sendo o mais citado quando a pergunta era “Qual destes políticos você tem medo que venha a ser eleito prefeito do Recife?”.

O petista foi apontado por 19,1% e o atual gestor por 14,7%. Na pesquisa anterior, a rejeição a João Paulo era de 20% e a Geraldo Julio de 13%.

LEIA TAMBÉM
» Geraldo tem 58,4% e João Paulo 41,6% das intenções de votos válidos na última IPMN/JC
» João Paulo é o mais rejeitado pelos recifenses na última IPMN/JC
» Recifense fica dividido quanto ao interesse nas eleições, diz IPMN/JC

Considerando o grau de instrução dos entrevistados, a menor rejeição ao petista é entre os que estudaram até a 3ª série do ensino fundamental, de 8%. A maior, de 25%, entre os que concluíram o ensino médio. Vinte e três por cento dos jovens entre 16 e 24 anos rejeitam João Paulo. O petista ainda é citado por 27% dos que têm renda média entre um e dois salários mínimos.

A maior rejeição a Geraldo Julio vem dos que têm renda acima de cinco salários mínimos: 32%. Dezenove por cento dos que têm entre 45 e 59 anos rejeitam o atual prefeito. Entre os que concluíram o ensino fundamental e o médio a rejeição é de 16%, em ambos os grupos.

03-qual-desses-vc-tem-medo

Os eleitores recifenses que afirmam não temer que nenhum dos dois assuma a prefeitura somam 64,4%, de acordo com a última pesquisa IPMN. No levantamento anterior eram 65%, mantendo uma estabilidade verificada também nas intenções de voto.

Não sabem ou não responderam 1,7% dos entrevistados. Na pesquisa anterior eram 1%.

O IPMN entrevistou 816 eleitores do Recife entre os dias 27 e 28 de outubro. O nível de confiança é estimado em 95% e a margem de erro é de 3,5 pontos percentuais. A pesquisa está registrada na Justiça Eleitoral com o número PE-08336/2016.

» Veja como estão as intenções de votos válidos:


FECHAR