publicidade
07/09/16
Foto: Sérgio Bernardo/JC Imagem
Foto: Sérgio Bernardo/JC Imagem

Candidata do PSTU no Recife defende em sabatina que prefeitura assuma distribuição de drogas para reversão de danos

07 / set
Publicado por Amanda Miranda em Notícias às 10:40

Medidas polêmicas estão entre as propostas de Simone Fontana, candidata do PSTU à Prefeitura do Recife. Uma delas é a liberação de drogas para pessoas em tratamento contra o vício, com o objetivo de alcançar a redução de danos. “Se você tem um controle, acaba com um tráfico”, defendeu em sabatina na Rádio Jornal nesta quarta-feira (7).

Para defender a proposta, Simone Fontana afirmou que esse trabalho de oferecer drogas controladamente, de acordo com as necessidades, é também de técnicos dos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), unidades onde o tratamento é oferecido na rede pública. Assim, as substâncias em que as pessoas são viciadas são retiradas de forma gradativa.

LEIA TAMBÉM
» Em sabatina, candidata do PSTU no Recife propõe “Uber público”

Questionada sobre a viabilidade do projeto, que incluiria, assim, a liberação de drogas pelo poder público, respondeu: “O que não pode é o que está atualmente, atingindo boa parte da juventude.”

Participação popular

Simone Fontana tem entre as suas pautas também a defesa de uma gestão baseada nos conselhos populares, grupos segmentados pelas áreas para que especialistas decidam e elaborem as ações do poder público. Esses colegiados definiriam inclusive os trabalhos da Câmara Municipal. “A Câmara é um balcão de negócios da burguesia. Dificilmente aprovam leis que favorecem os trabalhadores”, disparou a candidata do PSTU. “Que democracia é essa em que as empreiteiras mandam? De que adianta eleger um vereador que só defende os próprios interesses?”, questionou.

“Na educação hoje existem projetos que a prefeitura de Geraldo Julio (candidato à reeleição pelo PSB e adversário dela) coloca nas escolas e nenhum professor reivindicou. São projetos caríssimos que até atrapalham o andamento das escolas porque são grandes demais”, reclamou para justificar a importância do seu projeto.

Serviços grátis para desempregados

O plano de governo de Simone Fontana prevê ainda a isenção de contas de luz e de água para desempregados, além do não pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e do passe livre no transporte coletivo. “As pessoas se endividam porque não têm como pagar suas contas e a situação fica mais difícil”, afirmou. A candidata não explicou, porém, como pretende interferir em pautas que não são apenas da prefeitura, como o pagamento das taxas às companhias de energia e de abastecimento. “Queremos um plano que estatize e torne públicas essas empresas”, disse apenas.

 


FECHAR