publicidade
07/06/16

Planalto corta pelo menos R$ 8 milhões de sites simpáticos ao PT

07 / jun
Publicado por jamildo em Notícias às 10:08

Foto: Marcos Correa/AFP
Foto: Marcos Correa/AFP

Estadão Conteúdo – Em nova batalha da guerra da comunicação contra os petistas, o presidente em exercício Michel Temer cortou a principal fonte de recursos de blogs e sites considerados aliados da presidente afastada Dilma Rousseff e bloqueou ao menos R$ 8 milhões dos R$ 11 milhões previstos para serem liberados até dezembro em publicidade de ministérios e estatais, como Petrobras, Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal.

LEIA MAIS:

» Dilma vem a Pernambuco dia 17
» Corte nas viagens de Dilma foi reposta de Temer aos protestos de petistas
» Dilma classifica de mentirosa denúncia de que teria pedido doação de R$ 12 mi

A justificativa é que os veículos seriam “instrumento de opinião partidária”, com críticas ao atual governo e ao impeachment, e que a verba será direcionada a iniciativas de divulgação de “múltiplas opiniões”.

Deixarão de receber recursos o Brasil 247, o Diário do Centro do Mundo e o blog Conversa Afiada, do jornalista Paulo Henrique Amorim.

» “Eu vou viajar!”, responde Dilma sobre restrição de uso de avião
» Comida de Dilma no Palácio da Alvorada é cortada pelo governo Temer
» Polícia expulsa grupo acampado perto da casa de Temer em SP

Também estão na lista o blog O Cafezinho, o site Pragmatismo Político e o blog de Esmael Moraes. O Planalto bloqueou verbas ao jornalista Luis Nassif, que tinha contrato com a Empresa Brasil de Comunicação (EBC) para apresentar um programa semanal. Esse contrato foi suspenso.

Outro jornalista alvo dos bloqueios é Sidney Rezende, cujos contratos com a EBC e de patrocínio foram suspensos. Em maio, a Caixa já havia vetado R$ 100 mil a um encontro de blogueiros em Minas simpáticos ao PT.

» Planalto restringe uso de aviões de Dilma e reduz equipe da petista
» Dilma teria conversado com Odebrecht sobre propina, diz revista
» Renan critica a redução de prazos de processo contra Dilma Rousseff

Mantidos

O Planalto preservou a publicidade em veículos considerados apartidários e destinados à promoção de debates de relevância pública. Estão nessa lista o Observatório de Imprensa, autodefinido “website e programa de rádio e TV brasileiro cujo foco é a análise da atuação dos meios de comunicação em massa no país”, que receberá este ano R$ 231 mil, e o site Congresso em Foco, que se dedica ao Legislativo e tem previstos R$ 940 mil em publicidade. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

» Comissão do impeachment no Senado barra áudios na defesa de Dilma
» Para evitar manifestação, Michel Temer deixa SP e volta para Brasília
» É preciso melhorar política habitacional, diz MTST em ato da oposição no Rio


FECHAR