publicidade
06/02/16

No Galo da Madrugada, não faltaram brincadeiras com Dilma e Lula

06 / fev
Publicado por jamildo em Notícias às 13:06

Estoca Vento
Estocadores de vento

Como acontece todos os anos, o bloco Galo da Madrugada deu lugar para uma série de manifestações bem humoradas com tom político.

O mosquito da dengue e Zika, neste ano, rivalizou com os tradicionais personagens de Lula e Dilma. Depois que o Recife sofreu os efeitos de um furacão recentemente, não faltaram foliões brincando com a frase da presidente, na ONU, sobre a necessidade de se estocar ventos.

IMG_7355

Ao lado dos políticos, entre as fantasias deste ano, destacaram-se a mosquiteiro, para se proteger do mosquito Aedes aegypti, também super-herois,, negas malucas e personagens de desenhos animados.

A concentração começou às 7h, próximo ao camarote da prefeitura. De lá, o trajeto até o local onde o Galo gigante de três toneladas e 27 metros, equivalente a um prédio de nove andares, fica tem aproximadamente dois quilômetros de distância.

30 trios elétricos desfilaram. Por volta das 10h, os trios elétricos começaram o desfile, deixando intransitável todo o centro histórico do Recife.

Entre os carros alegóricos havia carros abre-alas com passistas dançando frevo e com fantasias inspiradas em Chico Science e, claro, vários grupos com clarins e trompetes tocando o frevo “Vassourinha”, o mais famoso do carnaval.

De acordo com a organização, neste ano, a expectativa era receber dois milhões de foliões. Chico Science, que se estivesse vivo estaria completando 50 anos, é o homenageado do bloco.


FECHAR