publicidade
12/06/07

Planalto informa que 42 municípios pernambucanos podem ficar sem a merenda escolar

12 / jun
Publicado por jamildo em Notícias às 18:45

Em Pernambuco, 32 municípios podem ficar sem receber os recursos da merenda escolar por falta de prestação de contas do dinheiro recebido do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) ou por estarem com o Conselho de Alimentação Escolar (CAE) vencido. A informação é do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).
Os municípios pernambucanos que podem ser penalizados por não terem prestado contas dos recursos recebidos do PNAE no ano passado são: Araripina, Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe, Cumaru, Exu, Jatobá, Mirandiba, Palmeirina, Tacaimbo e Trindade.

São 24 os municípios de Pernambuco que estão com o CAE vencido: Agrestina, Águas Belas, Altinho, Buenos Aires, Camaragibe, Camutanga, Caruaru, Catende, Custódia, Goiana, Gravatá, Ibirajuba, Itaquitinga, Jataúba, Lajedo, Manari, Paranatama, Saire, São Benedito do Sul, Surubim, Terezinha, Toritama, Trindade e Vitória de Santo Antão (atualizado até 12 de junho).

Em todo o País, cerca de 600 municípios estão nesta situação. O FNDE alerta que as prefeituras podem regularizar essas pendências, para evitar a suspensão dos recursos.

As instruções estão na Internet, no endereço www.fnde.gov.br/destaques.

As dúvidas podem ser esclarecidas pelos telefones (61) 3966-4135, 3966-4165 e 3966-4253.


FECHAR