publicidade
06/12/18
Cadelinha foi socorrida e estado de saúde é estável. Foto: reprodução/Polícia Militar
Cadelinha foi socorrida e estado de saúde é estável. Foto: reprodução/Polícia Militar

Caminhoneiro é preso por atirar em cadela em São Paulo

06 / dez
Publicado por Priscila Miranda em Comportamento às 9:52

A polícia prendeu um caminhoneiro na noite desta quarta-feira (5) depois de o homem atirar contra uma cadela. O caso aconteceu na zona norte de São Paulo. O animal, chamado de “Pintada”, foi socorrido por policiais militares, que dividiram as despesas do atendimento dela em uma clínica veterinária particular.

O homem foi detido por maus-tratos contra animais e porte ilegal de armas e encaminhado pela Polícia Militar para o 73º Distrito Policial, no bairro do Jaçanã.

Leia também: Jovem se arrisca ao entrar em bueiro para salvar cachorro; veja vídeo

Câmara do Recife aprova Dia do Socorro aos Animais

Morte de cachorro em supermercado em SP gera protestos de ativistas

Segundo o jornal O Estado de S.Paulo, testemunhas relataram que após se incomodar com a presença de animais em um terminal de carga, o motorista estacionou seu caminhão, sacou uma arma e disparou contra a cadela. O 5º Batalhão da PM foi acionado e uma equipe de policiais localizou o homem dentro do veículo. Ele confessou que atirou contra Pintada.

Socorro e tratamento de Pintada

Os PMs que participaram da ocorrência e prenderam o homem também socorreram a cadelinha. Ela foi levada, após os agentes racharem as despesas, para uma clínica veterinária particular. Ela chegou estável e não precisou de máscara de oxigênio. Ela deve passar por novos exames nesta quinta-feira (6).

Ajude-nos a fazer o melhor conteúdo para você!


FECHAR