publicidade
13/06/19
Quando analisada a incidência este ano, os casos de dengue chegam a 231,1 por 100 mil habitantes (Foto: Pixabay)
Quando analisada a incidência este ano, os casos de dengue chegam a 231,1 por 100 mil habitantes (Foto: Pixabay)

Dengue cresce 100,8% em PE com quase 5 mil doentes e outros 16 mil casos em investigação

13 / jun
Publicado por Cinthya Leite em Blog - 13/06/2019 às 11:23

Dados da Secretaria de Saúde de Pernambuco revelam que o número de casos suspeitos de dengue no Estado, até o início deste mês, chegou a dobrar, em comparação ao mesmo período de 2018. Até o dia 8 de junho, registrou-se aumento de 100,8%, passando de 13.268 para 26.642 notificações da doença. Quando analisada a incidência este ano, os casos de dengue chegam a 231,1 por 100 mil habitantes. Em relação ao registro de óbitos por arboviroses, Pernambuco investiga 40 mortes até o momento.

Dos 26.642 casos suspeitos, 4.905 foram confirmados e outros 16.427 permanecem em investigação. Em Pernambuco, apenas a cidade de Chã Grande, na Zona da Mata, não notificou casos de dengue. No Estado, também aumentaram os casos registrados de chicungunha (92,9%, em comparação com 2018) e de zika (238,6%).

Os dados alertam para a necessidade de intensificação das ações de eliminação dos focos do Aedes aegypti em todas as regiões de Pernambuco. São ações que envolvem trabalho dos gestores estaduais e municipais, além do governo federal. A população também deve se engajar na prevenção. É essencial fazer do combate ao mosquito uma rotina em qualquer época do ano. São medidas simples que podem ser adotadas (e eficientes), como manutenção dos tonéis bem tampados, assim como caixas e barris de água, troca de água dos vasos de planta uma vez por semana, manutenção de garrafas de vidro e latinhas de boca para baixo e acondicionamento de pneus em locais cobertos.


FECHAR