publicidade
21/05/18
Pesquisadora Celina Turchi coordena equipe que comprovou a associação entre microcefalia e a infecção congênita provocada pelo vírus zika (Foto: Diego Nigro/JC Imagem)
Pesquisadora Celina Turchi coordena equipe que comprovou a associação entre microcefalia e a infecção congênita provocada pelo vírus zika (Foto: Diego Nigro/JC Imagem)

‘Zika não é um assunto encerrado’, declara pesquisadora que comprovou relação entre microcefalia e vírus

21 / maio
Publicado por Cinthya Leite em Aedes aegypti - 21/05/2018 às 17:54

A frase acima é da pesquisadora da Fiocruz Pernambuco Celina Turchi, que conduziu uma fala emocionante, terça-feira (15), no Pint of Science, evento que levou ciência para discussão, em mesa de bar, na Cervejaria Laborada, no Espinheiro, Zona Norte do Recife.

Leia também:

Pesquisadora que confirmou relação causal entre zika e microcefalia vence o Prêmio Péter Murányi

Ao expor sua experiência como ‘maestrina de uma orquestra’ que deu respostas a dúvidas sobre a explosão de nascimentos de bebês com microcefalia, Celina reforçou que as descobertas são fruto do “sucesso coletivo”. Para a pesquisadora, a construção de uma resposta a novas inquietações (como ocorreu em relação à mudança de padrão da microcefalia) nasce da curiosidade humana e da tentativa conjunta de elucidar um problema.

Com esse raciocínio, ela nos faz refletir sobre a valia da humildade na ciência, algo que não falta à pesquisadora, sempre aplaudida pelos seus pares e pela sociedade. Em tempo: este mês ela tomou posse como a mais nova integrante da Academia Brasileira de Ciências.


FECHAR