publicidade
08/04/18
Cerca de 100 gramas do arroz preto fornecem aproximadamente 25% das necessidades diária de fibra. Essa particularidade é valiosa porque as fibras são importantes para o intestino e promovem a saciedade (Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem)
Cerca de 100 gramas do arroz preto fornecem aproximadamente 25% das necessidades diária de fibra. Essa particularidade é valiosa porque as fibras são importantes para o intestino e promovem a saciedade (Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem)

Conhece o arroz preto? Saiba por que ele é um senhor grão para a saúde – e confira receita

08 / abr
Publicado por Cinthya Leite em Alimentação - 08/04/2018 às 0:18

O arroz preto tem saltado aos olhos de quem preza por um cardápio salutar. Eis o motivo: o grão tem um leque imenso de propriedades benéficas. Quem assina as vantagens do alimento é o pediatra e médico nutrólogo Homero Rabelo Pena, que ousa na cozinha para agregar valores nutricionais à arte culinária.

Leia também:

Nutricionista lista 5 dicas para incluir legumes na dieta

BLW: Conheça a prática que dá ao bebê autonomia para comer sozinho e que pode prevenir obesidade

Com dois títulos de especialista na medicina, Homero decidiu (também) enveredar pelo mundo dos aromas e sabores na graduação de gastronomia. E compartilha, em rede social (@medico_aprendizdechef), como podemos unir saúde e sabor às receitas. Sobre o arroz preto, ele exclama que os compostos do grão agem pelo bom funcionamento do organismo.

O arroz preto é um senhor antioxidante, capaz de combater os radicais livres – aqueles que ameaçam a nossa saúde (Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem)

“Pode ser uma ótima opção para vegetarianos por ser rico em proteínas. Tem, em média, 30% a mais do que o arroz integral e 250% a mais do que o branco. Outro detalhe interessante: 100 gramas do preto fornecem aproximadamente 25% das necessidades de fibra que devemos consumir por dia.”

Essa particularidade é valiosa porque as fibras são importantes para o intestino e promovem a saciedade. “É uma boa opção para quem deseja um alimento que ‘demore’ mais tempo no estômago e diminua os ataques de fome. As fibras também evitam picos de glicose no sangue após o consumo.”

Segundo Homero, o arroz preto pode ser uma ótima opção para vegetarianos por ser rico em proteínas (Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem)

O médico também sublinha que o arroz preto é um senhor antioxidante, capaz de combater os radicais livres – aqueles que ameaçam a nossa saúde. E como prepará-lo? “A principal dica é deixá-lo algumas horas repousando na água (pelo menos, duas horas) antes de levá-lo à panela”, diz Homero.

Confira a receita de Homero Rabelo Pena

A principal dica é deixar o arroz preto, por algumas horas, repousando na água (pelo menos, duas horas) antes de levá-lo a panela. Além disso, o tempo de cozimento também será maior (de 50 a 60 minutos). A regra da quantidade de água é uma xícara dele para 2,5 xícaras de água. Refogue com azeite de oliva, alho e cebolas roxas. Depois, acrescente aromáticos de sua preferência: indico cebolinha e pimenta-do-reino. Na receita do arroz negro servido no abacaxi, além de ficar um prato exótico e tropical, a intenção é conferir um sabor agridoce ao arroz.

Corte o abacaxi na metade (sentido vertical da fruta) e, em seguida, esvazie o conteúdo. Faça cortes verticais e depois horizontais, a fim de fazer “cubos”. Isso facilitará a retirada da fruta, deixando a casca do abacaxi livre para ser usada como prato que receberá o arroz cozido.

Foto: Homero Rabelo Pena/Acervo pessoal

Além disso, quando o arroz preto estiver quase pronto, adicione alguns daqueles cubos de abacaxi dentro da panela. Sirva o arroz preto cozido dentro do abacaxi e ornamente,  por cima dele, algumas castanhas ou amêndoas e tomate cereja.


FECHAR