• Replay: Santa Cruz se destaca e Grafitemania se espalha

  • Foco, humildade e pés no chão: os mantras do Santa Cruz

    Técnico Milton Mendes quer time com a mesma pegada contra a Chapecoense. Foto: Diego Nigro/JC Imagem

    Técnico Milton Mendes quer time com a mesma pegada contra a Chapecoense. Foto: Diego Nigro/JC Imagem

    Por Diego Toscano, do Jornal do Commercio

    “É muito importante manter os pés no chão. Se pararmos de ganhar, vamos cair de divisão.” A frase é do técnico Milton Mendes, na última quinta (26), logo antes do embarque do Santa Cruz para Chapecó (SC), onde a equipe visita a Chapecoense, neste sábado (28). Mesmo na liderança do Campeonato Brasileiro, com direito até ao artilheiro da competição e há 17 partidas invictos na temporada, os tricolores não querem saber de acomodação nas bandas do Arruda.

    Leia matéria completa no JC Online.

  • Santa Cruz chama torcedor para ajudar a manter Grafite

    O atacante do Santa Cruz é procurado por outros clubes brasileiros e internacionais. Foto: JC Imagem

    O atacante do Santa Cruz é procurado por outros clubes brasileiros e internacionais. Foto: JC Imagem

    Com seis gols em três jogos do Brasileirão da Série A, o tricolor Grafite é assediado pelos clubes nacionais e internacionais. Para manter o atacante no Arruda, o vice-presidente do Santa Cruz, Constantino Júnior, pede ajuda do torcedor coral. O camisa 23 ainda não renovou com o clube, apesar das garantias do jogador de que o vínculo será prorrogado. Mas como a procura está grande pelo atleta, há dificuldades para a renovação do ídolo, cujo contrato encerra em um mês.

    Uma dessa dificuldades é o número de sócios do Santa. De acordo com o site oficial do Santa Cruz, o clube tem 11.726 sócios. A direção tricolor acredita que essa quantidade de associados poderia ser maior já agora. “A gente não esperava chegar na Série A com um número tão diminuto de sócios. Sabemos da dificuldade que atravessa o país, dos horários dos jogos, mesmo assim nossa torcida sempre deu exemplo e os obstáculos foram superados. Não vamos medir esforços para selar o acordo com Grafite, mas também entendendo que a torcida precisa chegar junto, o torcedor possa ajudar a segurar o ídolo por mais um ano e meio”, explicou Constantino.

    Segundo a diretoria do Santa Cruz, o jogador recebeu propostas maiores de outros clubes. “Vale o esforço e estamos fazendo um trabalho sobrenatural. Mas não é fácil, a gente está vendo a dificuldade que é fazer futebol hoje no nosso país, mesmo em clubes com orçamento bem maior que o nosso”, disse o vice-presidente.

    LEIA MAIS:

    Grafite curte fase iluminada no Santa Cruz

    Não é só a pontuação que aproxima o Santa Cruz do Leicester

    Grafitemania: Artilheiro do Santa Cruz também faz gol nas redes sociais

  • Tricolor em Portugal

    0549300e-9275-41de-9699-c6833aed09af

    O tricolor Beto Melo leva as cores do Santa Cruz para o estádio José Alvalade, em Lisboa, Portugal.

    Quer ver sua foto aqui no Blog? Basta enviar a imagem para blogdotorcedor@ne10.com.br ou marcar o Blog no Instagram, o perfil é @blogdotorcedor, com a tag #tocedornomundone10.

  • Grafite curte fase iluminada no Santa Cruz

    Atacante é o artilheiro do Brasileirão com seis gols. Foto: Diego Nigro/JC Imagem

    Atacante é o artilheiro do Brasileirão com seis gols. Foto: Diego Nigro/JC Imagem

    Por Diego Toscano
    Do Jornal do Commercio

    Principal jogador deste início do Campeonato Brasileiro, o atacante Grafite vive uma fase iluminada no Santa Cruz. Da chegada de helicóptero ao Tricolor do Arruda à artilharia do Brasileirão, o experiente jogador mostrou que, mesmo aos 37 anos e com uma trajetória de sucesso no futebol, não está para brincadeira no Recife. A Grafitemania, que já havia dominado o Nordeste, com os títulos do Nordestão e do Pernambucano, tomou conta também do Brasil.

    Os números do matador coral no torneio nacional impressionam. Artilheiro da Série A com seis gols em três jogos, o experiente atacante tem 100% de aproveitamento nos chutes que acertam a barra dos adversários. Contra Vitória, Fluminense e Cruzeiro, foram seis chutes no gol. Todos entraram. Na era dos pontos corridos, ninguém balançou mais as redes no Brasileirão em três jogos do que ele. Na história, Grafite igualou a marca de Luizão, na Série A de 1999. Ao todo, Grafite participou de 39 partidas nessa volta ao Arruda, com 21 gols. Foram sete na Série B do ano passado, seis neste Brasileirão, cinco no Nordestão e três no Pernambucano. A média é superior a um tento a cada dois jogos.

    “Estou num bom momento, com um grande aproveitamento nas oportunidades que tenho. A gente sabe que quando a fase é boa, podemos tentar várias coisas que a bola vai entrar. Ainda bem que estou podendo contribuir. Isso é fruto de muito trabalho”, ressaltou Grafite, que também falou sobre uma previsão do técnico Milton Mendes antes do início da Série A.

    Leia a matéria completa no JC Online.

  • Não é só a pontuação que aproxima o Santa Cruz do Leicester

    Foto: Diego Nigro/JC Imagem

    Tricolor lidera a Série A. Foto: Diego Nigro/JC Imagem

    Foi só o Santa Cruz começar o Brasileirão na liderança para o torcedor coral comparar com o Leicester City, time inglês que surpreendeu os gigantes para ganhar o título inédito na Premier League. Surgiu até um apelido carinhoso da torcida, o “Leicester Santa”. Claro que ainda é cedo para cravar qualquer tipo de prognóstico. A lógica manda que os comandados de Milton Mendes não serão campeões. Só que a comparação pode ir além do fato das duas equipes terem pouco orçamento e liderarem seus campeonatos de maneira inesperada. O Tricolor pode ser um pouco mais semelhante com o time inglês do que se pensa.

    A começar pela história das duas equipes. Tanto o Santa Cruz como o Leicester estiveram em divisões inferiores dos seus respectivos países. No caso dos corais, o fundo do poço foi a quarta divisão, enquanto que os ingleses chegaram a disputar a terceiro escalação do país. Ambos, porém, deram a virada e conseguiram o sucesso, cada um dentro do seu contexto, lógico.

    LEIA MAIS:
    > Santa Cruz, um time mortal na hora de finalizar na Série A

    > Grafite e cia escrevem vitória do líder Santa Cruz

    Mas essa não é a principal semelhança entre os times. Dentro de campo, a dupla também tem outros aspectos similares. O primeiro deles é que tanto o Santa Cruz como o Leicester não são equipes que primam pela posse de bola. Na Série A, o Tricolor é o que menos tem a redonda nos pés até agora, com uma média de 42,7%. Fazendo a comparação com a Inglaterra, o Leicester foi o terceiro da Premier League em termos de posse de bola, com 44,8%. Isso porque teve que ficar mais tempo com ela nos pés na reta final do campeonato, quando enfrentou mais retrancas.

    Além disso, as duas equipes apostam pouco no passe curto. O Santa é o que menos tenta esse tipo de jogada no Brasileirão, enquanto que os ingleses foram o terceiro pior neste aspecto. Essas características apontam que os times possuem posturas parecidas. Jogam esperando o adversário para tentar ataques precisos. Neste ponto, porém, também há diferenças entre as equipes. O Leicester sofreu em muitos jogos com a “goleada de 1×0”, enquanto que o Santa já tem o melhor ataque do campeonato, com dez gols em três jogos. Ou seja, os corais não chegam muito, como o clube inglês, mas ainda assim são mais ofensivos.

    Só resta saber se o Tricolor vai incorporar outro aspecto do Leicester, o de superar todas as expectativas para ganhar o título. Esse, por sinal, é o principal aspecto que o torcedor coral deseja simular com os ingleses.

  • Grafitemania: Artilheiro do Santa Cruz também faz gol nas redes sociais

    O atacante do Santa Cruz, Grafite de 37 anos, virou sensação na internet com direito a vários memes. Foto: JC Imagem

    O atacante do Santa Cruz, Grafite de 37 anos, virou sensação na internet com direito a vários memes. Foto: JC Imagem

    Por Leonardo Vasconcelos, do Jornal do Commercio

    Grafitemania. Esta é a nova sensação nas redes sociais. A espetacular fase do atacante do Santa Cruz, que  tualmente é o artilheiro da Série A do Campeoanto Brasileiro com impressionantes 6 gols em 3 jogos, está repercutindo bastante nas redes sociais. O artilheiro de 37 anos virou vários memes engraçados.

    Leia matéria completa no JC Online.

  • Mal goleou o Cruzeiro, Santa Cruz já embarcou para Chapecó

    Técnico Milton Mendes disse que o Santa Cruz não pode se afobar pela liderança. Foto: Leonardo Vasconcelos / Especial para o JC Imagem

    Técnico Milton Mendes disse que o Santa Cruz não pode se afobar pela liderança.
    Foto: Leonardo Vasconcelos / Especial para o JC Imagem

    Por Leonardo Vasconcelos, do Jornal do Commercio

    Nada de comemoração. O Santa Cruz nem teve tempo de festejar a goleada de 4×1 contra o Cruzeiro, no fim da noite de quarta (25) e já nesta manhã de quinta embarcou às 9h30 para Chapecó. Lá o tricolor vai defender a liderança da Série A do Brasileiro contra a Chapecoense, no sábado, pela quarta rodada do campeonato.

    Confira como foi o embarque no JC Online.