publicidade
13/01/18
Goleiro alvirrubro pegou dois pênaltis. Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem
Goleiro alvirrubro pegou dois pênaltis. Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem

Náutico: Jefferson comemora desempenho, mas divide créditos

13 / jan
Publicado por Karoline Albuquerque em Instant Articles às 20:28

Com todas as situações que enfrenta, o Náutico encontrou um destaque salvador em baixo das traves. O goleiro Jefferson, criado na base do clube, assumiu a camisa 1 em um momento complicado para o time em agosto de 2018 e de lá para cá vem provando seu valor. Neste sábado (13), o arqueiro defendeu dois pênaltis na disputa com o Itabaiana e ajudou a garantir o Timbu na fase de grupos da Copa do Nordeste 2018. Mas se engana quem pensa que a defesa mais comemorada por ele foi uma dessas.

No primeiro tempo, com o placar zerado, o Itabaiana chegou à área alvirrubra e Douglas e cabeceou à queima roupa, quase dentro da pequena área. Atento, Jefferson fez a defesa. Mas o goleiro divide os créditos. “Foi um ajuda, porque quando a gente tem um destaque assim no jogo, se fala muito de quem ficou nos olhares da torcida, mas o grupo inteiro lutou bastante. 1×0 ali dificultaria mais ainda nosso trabalho, ter que fazer dois. Fico feliz de ter ajudado na construção dessa classificação”, disse.

LEIA MAIS:

Com decisão tão cedo, técnico afirma que Náutico vai evoluir

Confira a classificação do Náutico nas lentes da JC Imagem

Nos pênaltis, Náutico vai à fase de grupos da Copa do Nordeste 2018

Para os pênaltis, o goleiro estudou os batedores com o departamento de análise alvirrubro, mesmo sem conseguir um material completo dos jogadores do Itabaiana. Ele aliou a isso também à intuição e à ajuda do preparador de goleiros. “Júnior (Matos) pediu, por ser um jogo corrido, que esperasse o máximo, porque o momento da decisão de pênaltis é o lado emocional. Ele pediu para eu não definir o lado para os batedores e esperar para fazer defesa”, contou.

O técnico Roberto Fernandes rendeu elogios ao seu camisa 1. “Tem sido muito bom ele começar a passar confiança e tranquilidade para os demais. Jogador que em alguns quesitos da posição dele muito acima da média e outras coisas precisa continuar trabalhando para evoluir como todo mundo. Muito importante a participação dele não só nos pênaltis. Foi a cereja do bolo”, ressaltou o comandante alvirrubro.



PUBLICIDADE
FECHAR